Ouvir Baixar Podcast
  • 15h27 - 15h30 GMT
    Flash de notícias 22/10 15h27 GMT
  • 15h06 - 15h27 GMT
    Programa 22/10 15h06 GMT
  • 15h00 - 15h06 GMT
    Jornal 22/10 15h00 GMT
  • 09h57 - 10h00 GMT
    Flash de notícias 22/10 09h57 GMT
  • 09h36 - 09h57 GMT
    Programa 22/10 09h36 GMT
  • 09h30 - 09h36 GMT
    Jornal 22/10 09h30 GMT
  • 15h27 - 15h30 GMT
    Flash de notícias 21/10 15h27 GMT
  • 15h06 - 15h27 GMT
    Programa 21/10 15h06 GMT
Para poder acessar todos os conteúdos multimídia, você deve instalar o plugin Flash no seu navegador. Para se conectar, você deve ativar os cookies nas configurações do navegador. O site da RFI é compatível com os seguintes navegadores: Internet Explorer 8 e +, Firefox 10 e +, Safari 3 e +, Chrome 17 e +.
Últimas notícias
  • Acordo do Brexit recebe apoio preliminar do Parlamento britânico
Europa

Ursula von der Leyen se torna a primeira mulher presidente da Comissão Europeia

media Ursula von der Leyen foi precisava de pelo menos 374 votos e conquistou 383 REUTERS / Francois Lenoir

A conservadora Ursula von der Leyen, foi eleita presidente da Comissão Europeia nessa terça-feira (16). Com 383 votos, a atual ministra alemã da Defesa se torna a primeira mulher a assumir o cargo. A vitória foi apertada, pois ela precisava de 374 votos a favor de sua nomeação. 

Ao ter sua eleição confirmada, Ursula Von der Leyen pediu a colaboração dos eurodeputados. “Minha mensagem para todos é a seguinte: trabalhemos juntos, de forma construtiva, pois estamos em uma Europa unida e forte”. Questionada sobre a vitória apertada, a nova presidente se contentou em declarar que “na democracia, a maioria é a maioria”.

A chanceler alemã Angela Merkel, que nunca escondeu o apoio à sua protegida, foi uma das primeiras a parabenizar a colega. “Com ela, teremos pela primeira vez uma presidente da Comissão Europeia e, após mais de 50 anos, um alemão à frente do Executivo europeu”, disse a representante de Berlim. “Mesmo se eu perco hoje uma ministra, ganho uma nova parceira em Bruxelas”, completou Merkel.

Pouco antes do voto, Von der Leyen apresentou suas propostas aos eurodeputados. Diante do plenário lotado no Parlamento Europeu de Estrasburgo, ela prometeu apresentar o projeto de um "Green Deal" (Pacto Verde) nos primeiros 100 dias de seu mandato. A luta contra a mudança climática se tornou um dos principais temas na campanha das eleições europeias de maio, após os protestos de estudantes para chamar a atenção sobre a "emergência climática".

No discurso antes de ser eleita, ela também expressou a disposição de aceitar um novo adiamento da saída do Reino Unido da União Europeia, prevista para 31 de outubro, se existir uma "boa razão". O divórcio dos britânicos com a UE cai na véspera da posse da nova presidente da Comissão Europeia.

Ursula von der Leyen tem 60 anos e é casada com o professor de medicina Heiko von der Leyen, membro de uma família aristocrática alemã. O casal tem sete filhos.

Sobre o mesmo assunto
 
O tempo de conexão expirou.