Ouvir Baixar Podcast
  • 08h57 - 09h00 GMT
    Flash de notícias 18/11 08h57 GMT
  • 08h33 - 08h57 GMT
    Programa 18/11 08h33 GMT
  • 08h30 - 08h33 GMT
    Jornal 18/11 08h30 GMT
  • 14h27 - 14h30 GMT
    Flash de notícias 17/11 14h27 GMT
  • 14h06 - 14h27 GMT
    Programa 17/11 14h06 GMT
  • 14h00 - 14h06 GMT
    Jornal 17/11 14h00 GMT
  • 08h36 - 08h57 GMT
    Programa 17/11 08h36 GMT
  • 08h30 - 08h36 GMT
    Jornal 17/11 08h30 GMT
Para poder acessar todos os conteúdos multimídia, você deve instalar o plugin Flash no seu navegador. Para se conectar, você deve ativar os cookies nas configurações do navegador. O site da RFI é compatível com os seguintes navegadores: Internet Explorer 8 e +, Firefox 10 e +, Safari 3 e +, Chrome 17 e +.
Esportes

Surgem novos rumores de transferência de Neymar para o Paris Saint-Germain

media Barcelona's Neymar celebrates scoring their fourth goal Neymar no PSG? Reuters / Albert Gea

O Barcelona garantiu nesta terça-feira (18) ter "200% de certeza" que Neymar permaneceria no clube catalão, num momento em que diversos veículos da imprensa afirmam que o PSG estaria disposto a pagar mais de € 200 milhões pelo brasileiro.

Seria isso mais um jogo de blefe, após as tentativas parisienses frustradas de contratar o craque brasileiro no ano passado? Naquela ocasião, as negociações entre Neymar e PSG resultaram numa prolongação de contrato do jogador com o Barça até 2021, com direito a aumento salarial.

"Não vamos refazer o 'Neymar show', ele tem um multa enorme, precisamos ser realistas", afirmou ao diário esportivo francês L'Équipe uma fonte próxima ao clube francês.

Multa milionária

Tudo (re)começou nesta segunda-feira (17), com uma matéria no diário esportivo catalão Sport explicando que Neymar estaria se sentindo "desconfortável" no Barça. Gianluca Di Marzio, jornalista do Sky Sport Italia, afirmou nas redes sociais que o presidente do PSG, Nasser Al-Khelaifi, está disposto "a pagar a cláusula para rescisão de contrato com o Barcelona", que chegaria a € 222 milhões.

O Sport lembrou também de declarações prudentes do próprio Neymar em 10 de julho, quando estava de férias no Brasil: "Quem sabe o que vai acontecer amanhã. Eu me adaptei bem, mas tudo pode acontecer. Quem sabe...".

Nesta terça-feira (18), o assunto foi pauta de capa dos três principais jornais esportivos espanhóis, algo extremamente raro. O Marca escreve: "PSG disposto a pagar cláusula se Neymar concordar: 222 milhões", com um salário de 30 milhões anuais. Segundo o jornal As, "Neymar flerta com PSG" e seu pai viajará à França nos próximos dias para negociar com Al-Khelaifi. O Sport insiste: "PSG está atrás de Neymar".

Barça nega

Único veículo a negar a possível transferência é o jornal catalão Mundo Deportivo, que afirma em seu site que Neymar "não deixará" o clube: "O pai do atacante comunicou que o jogador não tem a menor intenção de ir embora".

O craque de 25 anos estaria de saída? "Tenho 200% de certeza que não", afirmou o vice-presidente do clube, Jordi Mestre. Do lado do PSG, "o clube não comenta qualquer rumor de transferência ao longo desta janela", se limitou a responder a entidade à AFP.

Os céticos se perguntam porque Neymar iria jogar num clube que ele humilhou na Liga dos Campeões (ele foi o algoz do famoso 6-1, nas oitavas de final da Champions no ano passado). Mas muitos motivos podem levar o brasileiro a Paris. Primeiramente, ele se afastaria de um país que quer julgá-lo por sonegação fiscal e fraude.

Vantagens da transferência

Em seguida, caso realmente recebesse € 30 milhões por ano, dobraria seu salário atual e se tornaria o segundo jogador mais bem pago do mundo (atrás dos € 38 milhões pagos a Carlos Tevez na China), mais até do que os intocáveis Cristiano Ronaldo (€ 23,6 milhões no Real Madrid) e Lionel Messi (€20 milhões no Barcelona).

Outro elemento que fortalece a teoria de uma transferência é a chegada em Paris de Daniel Alves, seu ex-companheiro de Barcelona e um de seus melhores amigos, além da quantidade de brasileiros no vestiário do PSG (Marquinhos, Thiago Silva e Lucas).

Outros virão

Durante a apresentação de Daniel Alves, na semana passada, Al-Khelaifi já havia deixado indícios do que estaria por vir: "Estamos apresentando nosso primeiro grande campeão, mas outros estão chegando, a janela só fecha em 31 de agosto".

(com informações da AFP)

Sobre o mesmo assunto
 
O tempo de conexão expirou.