Ouvir Baixar Podcast
  • 15h27 - 15h30 GMT
    Flash de notícias 23/10 15h27 GMT
  • 15h06 - 15h27 GMT
    Programa 23/10 15h06 GMT
  • 15h00 - 15h06 GMT
    Jornal 23/10 15h00 GMT
  • 09h57 - 10h00 GMT
    Flash de notícias 23/10 09h57 GMT
  • 09h36 - 09h57 GMT
    Programa 23/10 09h36 GMT
  • 09h30 - 09h36 GMT
    Jornal 23/10 09h30 GMT
  • 15h27 - 15h30 GMT
    Flash de notícias 22/10 15h27 GMT
  • 15h06 - 15h27 GMT
    Programa 22/10 15h06 GMT
Para poder acessar todos os conteúdos multimídia, você deve instalar o plugin Flash no seu navegador. Para se conectar, você deve ativar os cookies nas configurações do navegador. O site da RFI é compatível com os seguintes navegadores: Internet Explorer 8 e +, Firefox 10 e +, Safari 3 e +, Chrome 17 e +.
Mundo

Vulcão indonésio que causou tsunami perde 2/3 de sua altura

media Uma nuvem de cinzas sobe quando o vulcão Anak Krakatoa entra em erupção na Indonésia Susi Air/via REUTERS

O vulcão Anak Krakatoa, que causou o tsunami que deixou mais de 400 mortos na semana passada na Indonésia, perdeu dois terços de sua altura após a erupção causadora da tragédia, afirmou neste sábado uma fonte oficial.

Uma análise visual realizada pela Agência de Vulcanologia da Indonésia chegou a essa conclusão: o Anak Krakatoa, com 338 metros de altura, agora mede apenas 110 metros.

Parte da cratera desabou no oceano após a erupção, provocando o tsunami.

A agência indonésia estima que entre 150 e 180 milhões de metros cúbicos de rocha e cinzas caíram no mar.

"O Anak Krakatoa é agora muito menor", disse um diretor da instituição.

Imagens de satélite tiradas antes e depois da erupção pela agência espacial japonesa mostram que 2 km2 da ilha vulcânica onde o Anak Krakatoa está localizado foram engolidos pelas águas.

Segundo as autoridades, 426 pessoas morreram na catástrofe. Mais de 40.000 pessoas foram evacuadas por medo de um novo tsunami, enquanto o Anak Krakatoa ainda está ativo.

(Com informações da AFP)

Sobre o mesmo assunto
 
O tempo de conexão expirou.