Ouvir Baixar Podcast
  • 15h27 - 15h30 GMT
    Flash de notícias 22/08 15h27 GMT
  • 15h06 - 15h27 GMT
    Programa 22/08 15h06 GMT
  • 15h00 - 15h06 GMT
    Jornal 22/08 15h00 GMT
  • 09h57 - 10h00 GMT
    Flash de notícias 22/08 09h57 GMT
  • 09h36 - 09h57 GMT
    Programa 22/08 09h36 GMT
  • 09h30 - 09h36 GMT
    Jornal 22/08 09h30 GMT
  • 15h27 - 15h30 GMT
    Flash de notícias 21/08 15h27 GMT
  • 15h06 - 15h27 GMT
    Programa 21/08 15h06 GMT
Para poder acessar todos os conteúdos multimídia, você deve instalar o plugin Flash no seu navegador. Para se conectar, você deve ativar os cookies nas configurações do navegador. O site da RFI é compatível com os seguintes navegadores: Internet Explorer 8 e +, Firefox 10 e +, Safari 3 e +, Chrome 17 e +.
Mundo

Sobe para quatro o número de palestinos mortos em manifestações

media Violência das manifestações tem aumentado desde a declaração de Donald Trump. REUTERS/Ronen Zvulun

Mais dois palestinos foram mortos em confrontos com as forças israelenses, quando, nesta sexta-feira (15), novas manifestações foram organizadas contra o reconhecimento por Donald Trump de Jerusalém como a capital de Israel.

Bassel Ismaïl, de 24 anos, foi o terceiro palestino morto, nesta sexta-feira, durante os protestos contra a decisão de Trump.

Ismaïl morreu em Anata, cidade entre Jerusalém e a Cisjordânia ocupada. Hoje, mais cedo, dois palestinos haviam sido mortos na Faixa de Gaza.

Quarto homem

Um quarto palestino morreu, hoje à tarde, depois de ter esfaqueado um policial israelense.

Mohammed Aqal, de 29 anos, agrediu um policial numa barreira no território ocupado da Cisjordânia, sendo alvejado três vezes. Aqal ainda foi levado para o hospital, mas morreu dos seus ferimentos.

Sobre o mesmo assunto
 
O tempo de conexão expirou.