Ouvir Baixar Podcast
Para poder acessar todos os conteúdos multimídia, você deve instalar o plugin Flash no seu navegador. Para se conectar, você deve ativar os cookies nas configurações do navegador. O site da RFI é compatível com os seguintes navegadores: Internet Explorer 8 e +, Firefox 10 e +, Safari 3 e +, Chrome 17 e +.

Definir idade do Homo naledi é próximo passo para a ciência

Definir idade do Homo naledi é próximo passo para a ciência
 
Homo naledi foi classificado no gênero Homo, ao qual pertence o homem moderno. Media 1,5m e pesava 45 kg. DR/John Hawks-Wits University

Na semana passada, foi anunciada uma das descobertas mais importantes ligada à história da evolução do homem. Na África do Sul, pesquisadores apresentaram os remanescentes fósseis de um primata que pode pertencer a uma espécie do gênero humano desconhecida até agora.

O primata foi batizado de Homo naledi.  Homo, do gênero ao qual pertencem os homens modernos, e naledi, que significa "estrela" na língua africana sotho. Na caverna em que foi achado, também estavam os ossos de 15 hominídeos.

Para comentar essa descoberta espetacular, conversamos com Bruno Maureille, diretor de pesquisas do CNRS e diretor do Laboratorio de Antropologia e Pré-História da Universidade de Bordeaux. Ele explica primeiramente o que levou os pesquisadores a terem certeza de que estavam diante de uma nova espécie.

"É o conjunto das análises morfológicas que levam à conclusão de que se trata de uma nova espécie. Os pesquisadores fazem uma análise que cruza dados morfológicos, métricos, cranianos, intra-cranianos. O consórcio de pesquisadores, que reúne membros do mundo todo, tem a chance de ter encontrado esse local extraordinário [a caverna] onde podem estudar a associação das caraterísticas morfológicas de certos indivíduos; esses resíduos situam esses indivíduos no gênero Homo, mas com características que os aproximam dos australopithecus, ou seja, eles estariam entre os dois. É por isso que os pesquisadores propuseram nomeá-lo como uma nova espécie, mesmo se é preciso ser muito prudente ao se criar o nome de uma nova espécie".

História da Evolução

Será que essa descoberta pode explicar um hiato na história da evolução entre o australopithecus, tipo de hominídeo bem próximo ao gênero Homo, e o próprio Homo? Para o professor, essa hipótese ainda é precipitada: "Não, eu não diria isso, pois por enquanto a data destes ossos ainda é desconhecida. Devido à sua morfologia, esses fósseis parecem ser do representante mais antigo do gênero Homo, como um crânio pequeno, mas como não temos ainda uma ideia da época desses vestígios, temos que ser prudentes, eles parecem ser muito antigos, mas acho que ainda não podem explicar um vazio na história da evolução".

Qual a idade do Homo naledi?

Os cientistas vão tentar agora definir a época em que o primata e os outros homonídeos viveram, mais não se sabe quando isto vai ser possível. "Existe um depósito sedimentar onde as camadas geológicas se misturam nas fissuras de maneira complexa; talvez as técnicas de luminescência possam indicar se os esqueletos são mais antigos ou não do que as outras espécies conhecidas,mas até o momento não foi possível ter uma data absoluta".

Mesmo se os cientistas ainda não conseguiram datar o primata Homo naledi, estima-se que ele possa ter entre 100 mil e 4 milhões de anos.

 

 

 


Sobre o mesmo assunto

  • Homo naledi/África do Sul

    Primo distante do ser humano é encontrado na África do Sul

    Saiba mais

  • Arqueologia/França

    Dente humano de 560 mil anos é encontrado no sudeste da França

    Saiba mais

  1. 1
  2. 2
  3. 3
  4. ...
  5. seguinte >
  6. último >
Programas
 
O tempo de conexão expirou.