Ouvir Baixar Podcast
  • 15h27 - 15h30 GMT
    Flash de notícias 21/09 15h27 GMT
  • 15h06 - 15h27 GMT
    Programa 21/09 15h06 GMT
  • 15h00 - 15h06 GMT
    Jornal 21/09 15h00 GMT
  • 09h57 - 10h00 GMT
    Flash de notícias 21/09 09h57 GMT
  • 09h33 - 09h57 GMT
    Programa 21/09 09h33 GMT
  • 09h30 - 09h33 GMT
    Jornal 21/09 09h30 GMT
  • 15h27 - 15h30 GMT
    Flash de notícias 20/09 15h27 GMT
  • 15h06 - 15h27 GMT
    Programa 20/09 15h06 GMT
Para poder acessar todos os conteúdos multimídia, você deve instalar o plugin Flash no seu navegador. Para se conectar, você deve ativar os cookies nas configurações do navegador. O site da RFI é compatível com os seguintes navegadores: Internet Explorer 8 e +, Firefox 10 e +, Safari 3 e +, Chrome 17 e +.
Geral

Explosão de botijão de gás em restaurante mata mais de 80 pessoas na Índia

media Explosão de botijão em Jhabua, Madhya Pradesh, na Índia, mata mais de 80 pessoas. ©REUTERS/Stringer

Pelo menos 85 pessoas morreram neste sábado (12) na explosão de um botijão de gás em um movimentado restaurante do Estado de Madhya Pradesh, centro da Índia, informou a polícia, que revisou seu balanço anterior de 104 mortos e está trabalhando com a hipótese de acidente.

"Pensávamos que o balanço era de 104 mortos nos baseando nas informações de várias fontes, mas até agora só podemos confirmar 85 mortos", declarou à AFP M.L. Gond, alto funcionário da polícia de Jhabua, o distrito onde ocorreu a tragédia. A explosão provocou a queda de um edifício e danificou vários outros.

Imagens transmitidas pela televisão mostravam inúmeras pessoas e socorristas escavando entre os restos de concreto e aço, enquanto a polícia isolava o bairro. Segundo Arun Kumar Sharma, funcionário médico de Jhabua, a explosão deixou uma centena de feridos, cerca de 20 deles com ferimentos graves.

Café da manhã

A explosão ocorreu às 08H30 (00h00 Brasília), no momento em que dezenas de trabalhadores e estudantes tomavam café da manhã no restaurante, declarou à AFP Seema Alava, alto funcionário da polícia do distrito. Algumas horas depois da explosão, as autoridades levantaram a hipótese de um acidente, envolvendodetonadores e cartuchos de dinamite, utilizados na indústria mineira, que teriam sido armazenados no edifício onde estava o restaurante ou em algum prédio próximo.

O primeiro-ministro da Índia, Narendra Modi, se manifestou em sua conta do Twitter e assegurou estar "extremamente triste com a perda de vidas humanas na explosão". O chefe do executivo de Madhya Pradesh, Shivraj Singh Chouhan, também expressou no Twitter suas condolências para as famílias das vítimas.

As explosões de botijões de gás são frequentes na Índia, onde as normas de segurança não são rígidas.

Sobre o mesmo assunto
 
O tempo de conexão expirou.