Ouvir Baixar Podcast
  • 15h27 - 15h30 GMT
    Flash de notícias 21/09 15h27 GMT
  • 15h06 - 15h27 GMT
    Programa 21/09 15h06 GMT
  • 15h00 - 15h06 GMT
    Jornal 21/09 15h00 GMT
  • 09h57 - 10h00 GMT
    Flash de notícias 21/09 09h57 GMT
  • 09h33 - 09h57 GMT
    Programa 21/09 09h33 GMT
  • 09h30 - 09h33 GMT
    Jornal 21/09 09h30 GMT
  • 15h27 - 15h30 GMT
    Flash de notícias 20/09 15h27 GMT
  • 15h06 - 15h27 GMT
    Programa 20/09 15h06 GMT
Para poder acessar todos os conteúdos multimídia, você deve instalar o plugin Flash no seu navegador. Para se conectar, você deve ativar os cookies nas configurações do navegador. O site da RFI é compatível com os seguintes navegadores: Internet Explorer 8 e +, Firefox 10 e +, Safari 3 e +, Chrome 17 e +.

Sequestro em refinaria deve afastar companhias estrangeiras, dizem especialistas

Sequestro em refinaria deve afastar companhias estrangeiras, dizem especialistas
 
Vista por satélite do complexo de produção de gás de In Amenas. REUTERS/DigitalGlobe/Handout

O sequestro de dezenas de reféns estrangeiros e centenas de argelinos em um dos maiores complexos de produção de gás da Argélia deve afetar a imagem do país como um dos principais exportadores mundiais deste combustível. 97% das exportações do país vêm do gás ou do petróleo. No anos 80, as companhias estrangeiras temiam se instalar no país devido aos riscos de terrorismo, medo que volta à tona com o trágico episódio desta semana, conforme Francis Perrin, do Centro Árabes de Estudos do Petróleo.

A Argélia fornece 11% do gás consumido na Europa: é a terceira maior exportadora, atrás da Rússia e a Noruega, e a oitava maior produtora mundial. O sequestro na refinaria de In Amenas acontece em um péssimo momento, às vésperas de o governo votar um projeto de lei flexibilizando as regras para a exploração e a comercialização do gás argelino, para atrair mais investimentos estrangeiros. Maïte de Boncourt, pesquisadora especialista em energia do Instituto Francês de Relações Internacionais, analisa como este triste episódio afeta os planos do governo.
 


Sobre o mesmo assunto

  • Sequestro em refinaria da Argélia pode ter tido a cumplicidade de funcionários

    Saiba mais

  • Argélia/sequestro

    Islamitas ainda mantêm reféns em refinaria de gás na Argélia

    Saiba mais

  • Argélia/Sequestro

    Exército argelino controla parte do campo de gás e operação continua

    Saiba mais

  1. 1
  2. 2
  3. 3
  4. ...
  5. seguinte >
  6. último >
Programas
 
O tempo de conexão expirou.