Ouvir Baixar Podcast
  • 09h57 - 10h00 GMT
    Flash de notícias 23/04 09h57 GMT
  • 09h36 - 09h57 GMT
    Programa 23/04 09h36 GMT
  • 09h30 - 09h36 GMT
    Jornal 23/04 09h30 GMT
  • 15h27 - 15h30 GMT
    Flash de notícias 22/04 15h27 GMT
  • 15h06 - 15h27 GMT
    Programa 22/04 15h06 GMT
  • 15h00 - 15h06 GMT
    Jornal 22/04 15h00 GMT
  • 09h57 - 10h00 GMT
    Flash de notícias 22/04 09h57 GMT
  • 09h36 - 09h57 GMT
    Programa 22/04 09h36 GMT
Para poder acessar todos os conteúdos multimídia, você deve instalar o plugin Flash no seu navegador. Para se conectar, você deve ativar os cookies nas configurações do navegador. O site da RFI é compatível com os seguintes navegadores: Internet Explorer 8 e +, Firefox 10 e +, Safari 3 e +, Chrome 17 e +.
Últimas notícias
  • Grupo Estado Islâmico reivindica ataques no Sri Lanka sem fornecer evidências

Supremo Tribunal de Israel autoriza expulsão de africanos

Supremo Tribunal de Israel autoriza expulsão de africanos
 
Quase 100 mil africanos fugiram de Darfur e Sudão para Israel, em busca de trabalho. coisasjudaicas.com

O governo israelense começou esta semana a deter refugiados africanos no país para expulsá-los a partir da semana que vem. Isso depois que a Suprema Corte autorizou, na semana passada, essa expulsão. Há meses o assunto mobiliza a sociedade e o poder israelenses: a chegada de dezenas de milhares de pessoas do Sudão do Sul e da Eritreia em busca de trabalho ilegal ou asilo político. São quase 100 mil, a maioria em busca de trabalho, mas também há refugiados do Darfur e do Sudão.

A correspondente em Tel Aviv, Daniela Kresch, explica que há uma guerra entre o governo e ONGs de direitos humanos na questão de como lidar com os africanos. Enquanto isso, os refugiados vão chegando e começam a se concentrar em algumas cidades. Só Tel Aviv tem mais de 65 mil africanos nas ruas (o que significa 15% da população de 450 mil pessoas da cidade), muitos deles sem-teto, circulando pelos bairros mais pobres. A criminalidade está aumentando, o que tem levado moradores locais a sair em passeatas contra os africanos,algumas delas marcadas pela violência.

  1. 1
  2. 2
  3. 3
  4. ...
  5. seguinte >
  6. último >
Programas
 
O tempo de conexão expirou.