Ouvir Baixar Podcast
  • 15h27 - 15h30 GMT
    Flash de notícias 22/10 15h27 GMT
  • 15h06 - 15h27 GMT
    Programa 22/10 15h06 GMT
  • 15h00 - 15h06 GMT
    Jornal 22/10 15h00 GMT
  • 09h57 - 10h00 GMT
    Flash de notícias 22/10 09h57 GMT
  • 09h36 - 09h57 GMT
    Programa 22/10 09h36 GMT
  • 09h30 - 09h36 GMT
    Jornal 22/10 09h30 GMT
  • 15h27 - 15h30 GMT
    Flash de notícias 21/10 15h27 GMT
  • 15h06 - 15h27 GMT
    Programa 21/10 15h06 GMT
Para poder acessar todos os conteúdos multimídia, você deve instalar o plugin Flash no seu navegador. Para se conectar, você deve ativar os cookies nas configurações do navegador. O site da RFI é compatível com os seguintes navegadores: Internet Explorer 8 e +, Firefox 10 e +, Safari 3 e +, Chrome 17 e +.
Últimas notícias
  • Acordo do Brexit recebe apoio preliminar do Parlamento britânico
França

Caso Neymar: Najila é motivo de chacota em TV francesa e jornalista é suspenso

media Daniel Riolo (d) e Jérôme Rothen durante debate no canal RMC Sport. Montagem/Twitter

O jornalista Daniel Riolo e o ex-jogador do PSG Jérôme Rothen ironizaram a acusação de estupro contra Neymar durante um programa de televisão francês. Os dois fizeram comentarios irônicos e piadas de cunho sexista sobre a modelo Najila Trindade. Ambos foram suspensos pela emissora.

O episódio aconteceu na quinta-feira (6), logo após a divulgação da entrevista na qual a modelo Najila Trindade relatava a estupro do qual acusa o jogador Neymar. “Mas você viu a cara da moça”, lançou o jornalista Daniel Riolo comentador do programa After Foot, transmitido simultaneamente na emissora de rádio RMC e no canal de televisão esportivo RMC Sport.

“Eu esperava que fosse um avião de caça, mas é apenas uma segunda divisão”, continuou o editorialista. “Ele pode ter tudo o que quiser e foi pegar uma Liga 2”, emendou o ex-jogador e comentarista Jérôme Rothen.

O apresentador, Nicolas Vilas, tenta conter os comentadores. “Mas vocês estão loucos, caras”, disse, sem sucesso.

“Quando você se chama Neymar, dá para ter um mínimo de qualidade. Geralmente é Champions League”, continuou Riolo, insistindo nas metáforas futebolísticas. “Você chama a moça, traz de avião, vê isso desembarcando e, quando ela chega, você ainda entra numa merda dessas”, disse o editorialista.

Ministra criticou a “cultura do estupro”

As críticas foram imediatas, não apenas nas redes sociais, mas também da parte da classe política. A ministra francesa responsável pela igualdade entre homens e mulheres, Marlène Schiappa, disse que, ao ouvir esses comentários, pensou em “todas as mulheres que hesitam em dar queixa após terem sido estupradas ou agredidas sexualmente”.

Diante da polêmica, na noite de domingo (9) Jérôme Rothen e Daniel Riolo tentaram se desculpar. O jornalista disse durante o programa que foi apenas uma “piada de mau gosto”. Mas a ministra telefonou para a emissora e, ao vivo, condenou as “declarações que gozam das mulheres que acusam um homem de estupro”. Segundo ela, isso, “contribui para a cultura do estupro”.

Nessa segunda-feira o canal RMC Sport informou que tanto o jornalista como o ex-jogador do PSG, que são comentadores permanentes do After Foot, haviam sido suspensos e que seriam recebidos pela direção esta semana. “Nós condenamos com firmeza as declarações feitas no ar por Jérôme Rothen e Daniel Riolo. Elas são inaceitáveis”, disse o diretor-geral da emissora, Laurent Eichnger.

Sobre o mesmo assunto
 
O tempo de conexão expirou.