Ouvir Baixar Podcast
  • 15h27 - 15h30 GMT
    Flash de notícias 15/09 15h27 GMT
  • 15h06 - 15h27 GMT
    Programa 15/09 15h06 GMT
  • 15h00 - 15h06 GMT
    Jornal 15/09 15h00 GMT
  • 09h57 - 10h00 GMT
    Flash de notícias 15/09 09h57 GMT
  • 09h33 - 09h57 GMT
    Programa 15/09 09h33 GMT
  • 09h30 - 09h33 GMT
    Jornal 15/09 09h30 GMT
  • 15h27 - 15h30 GMT
    Flash de notícias 14/09 15h27 GMT
  • 15h06 - 15h27 GMT
    Programa 14/09 15h06 GMT
Para poder acessar todos os conteúdos multimídia, você deve instalar o plugin Flash no seu navegador. Para se conectar, você deve ativar os cookies nas configurações do navegador. O site da RFI é compatível com os seguintes navegadores: Internet Explorer 8 e +, Firefox 10 e +, Safari 3 e +, Chrome 17 e +.
França

Paris tem primeira tempestade de neve do ano

media A neve que cai nesta terça-feira veio com intensidade em Paris. REUTERS/Gonzalo Fuentes

Paris registra o primeiro dia com queda de neve neste inverno europeu. A Torre Eiffel, um dos monumentos mais visitados do mundo, foi fechada para visitantes no período da manhã desta terça-feira (22) devido à passagem de uma frente fria proveniente da região noroeste, que trouxe chuva e neve à Normandia, antes de chegar à capital francesa. Apenas um restaurante do primeiro andar do monumento, que recebe 7 milhões de visitantes por ano, permanece aberto.

Quando o dia amanheceu, os termômetros marcavam dois graus negativos em Paris. Esta não é a primeira vez que a Torre Eiffel fecha ao público devido às condições meteorológicas. Em março do ano passado, o monumento também fechou devido à formação de gelo que torna as escadas escorregadias e perigosas para os visitantes.

O serviço nacional de meteorologia prevê neve hoje e amanhã nas regiões norte e centro da França. Ao todo, 24 departamentos estão sob alerta de risco laranja, um grau abaixo do vermelho, a advertência mais elevada da escala. Sete departamentos acionaram o plano "Frio Intenso" para abrigar os sem-teto.

Neve fecha rodovia

Uma das estradas mais movimentadas da região parisiense, a RN 118,  que é uma das opções utilizadas pelos motoristas para chegar até o aeroporto de Orly (sul), teve de ser interditada pela formação de uma camada de 5 cm de neve. Apenas os serviços de emergência podem circular pela estrada. Em fevereiro de 2018, cerca de 2 mil pessoas e 950 carros ficaram bloqueados pela neve nessa rodovia e tiveram que passar a noite na estrada, que tem com muitos desníveis e curvas.

Na quarta-feira (23), a frente fria vai se deslocar para o leste, atingindo uma faixa do território francês que vai da região de Ardennes até a Bourgogne, famosa por seus vinhedos. Os meteorologistas preveem um acúmulo de 5 cm a 15 cm de neve, localmente, no solo.

François Gourand, meteorologista da agência Meteo France, considera não haver  nada de excepcional neste episódio climático, típico do inverno no Hemisfério Norte, que vai de 21 de dezembro até 20 de março.

 
O tempo de conexão expirou.