Ouvir Baixar Podcast
  • 15h27 - 15h30 GMT
    Flash de notícias 21/08 15h27 GMT
  • 15h06 - 15h27 GMT
    Programa 21/08 15h06 GMT
  • 15h00 - 15h06 GMT
    Jornal 21/08 15h00 GMT
  • 09h57 - 10h00 GMT
    Flash de notícias 21/08 09h57 GMT
  • 09h36 - 09h57 GMT
    Programa 21/08 09h36 GMT
  • 09h30 - 09h36 GMT
    Jornal 21/08 09h30 GMT
  • 15h27 - 15h30 GMT
    Flash de notícias 20/08 15h27 GMT
  • 15h06 - 15h27 GMT
    Programa 20/08 15h06 GMT
Para poder acessar todos os conteúdos multimídia, você deve instalar o plugin Flash no seu navegador. Para se conectar, você deve ativar os cookies nas configurações do navegador. O site da RFI é compatível com os seguintes navegadores: Internet Explorer 8 e +, Firefox 10 e +, Safari 3 e +, Chrome 17 e +.
França

Bola de Ouro renderá € 3 milhões a Neymar, revela jornal francês

media Neymar durante treino de 17 de outubro de 2017 no Parc des Princes, do PSG. REUTERS/Philippe Wojazer

Neymar é manchete novamente na imprensa francesa. Dessa vez, o camisa 10 do Paris Saint-Germain ganhou destaque pelo valor do prêmio que deve ganhar do PSG, se for eleito o melhor do mundo e levar o prêmio Bola de Ouro: segundo "fontes brasileiras" entrevistadas pelo jornal Aujourd'hui en France, a soma alcançaria os 3 milhões de euros para Neymar Jr.

"Para Neymar, a conquista da Bola de Ouro é também uma questão de dinheiro", afirma o jornal Aujourd'hui en France. "A partir de fontes brasileiras, ficamos sabemos que a nova estrela do PSG negociou em seu contrato um bônus bem específico que deverá ser pago no dia em que ele levar o troféu. Isso deve durar durante todo seu contrato com o time, quer dizer, até 2022. E Neymar poderá passar no caixa todas as vezes que for eleito o melhor pelo prêmio", publica o jornal.

Ainda não será em 2017

Segundo o periódico, a soma, apesar de inédita nos anais do clube parisiense, "concretiza apenas o interesse que une o PSG e Neymar com esta honraria bem simbólica. A imagem e a atratividade do clube parisiense sairão reforçadas no dia em que sua estrela principal for reconhecida como sendo o melhor jogador do mundo", analisa o jornal, que continua: "segundo Carlos Brusa, advogado conhecedor das altas esferas do futebol, este tipo de cláusula não tem nada de chocante. [Cristiano] Ronaldo e Messi também se beneficiam dela. (...) O fato de contar em suas fileiras com um Bola de Ouro representa um valor agregado extraordinário no plano midiático e econômico. Podemos imaginar, por exemplo, uma noite espetacular no Parc des Princes, frente aos 45 mil espectadores, em homenagem a Neymar, no dia em que ele levará o prêmio", publica Aujourd'hui en France, repercutindo a entrevista com o advogado.

Segundo o jornal, os companheiros de Neymar no PSG já entenderam muito bem o interesse coletivo desta eventual recompensa individual. Aujourd’hui en France cita o atacante Cavani, que declarou, no começo de outubro: “Quero que Neymar seja Bola de Ouro. Se ele for o melhor, isso significa que ele terá marcado muitos gols e nos terá permitido ganhar muitos títulos”. O periódico publica também a opinião da jovem revelação Mbappé: “Quero fazer tudo para ajudar Neymar a ganhar o Bola de Ouro”.

No entanto, segundo o jornal, “ainda é necessário que o brasileiro se torne um candidato com credibilidade para o prêmio”. “Não será este ano, marcado por sua transferência polêmica ao PSG, pontuado apenas com só troféu (uma Copa da Espanha) que Neymar conseguirá destronar os dois gigantes [Cristiano Ronaldo e Leonel Messi]. Em 2018, ano da Copa do Mundo, apresenta, no entanto, um perfil mais promissor. Para Neymar, e para o PSG...”, finaliza Aujourd’hui en France.

Sobre o mesmo assunto
 
O tempo de conexão expirou.