Ouvir Baixar Podcast
  • 15h27 - 15h30 GMT
    Flash de notícias 20/05 15h27 GMT
  • 15h06 - 15h27 GMT
    Programa 20/05 15h06 GMT
  • 15h00 - 15h06 GMT
    Jornal 20/05 15h00 GMT
  • 09h57 - 10h00 GMT
    Flash de notícias 20/05 09h57 GMT
  • 09h36 - 09h57 GMT
    Programa 20/05 09h36 GMT
  • 09h30 - 09h36 GMT
    Jornal 20/05 09h30 GMT
  • 15h27 - 15h30 GMT
    Flash de notícias 19/05 15h27 GMT
  • 15h06 - 15h27 GMT
    Programa 19/05 15h06 GMT
Para poder acessar todos os conteúdos multimídia, você deve instalar o plugin Flash no seu navegador. Para se conectar, você deve ativar os cookies nas configurações do navegador. O site da RFI é compatível com os seguintes navegadores: Internet Explorer 8 e +, Firefox 10 e +, Safari 3 e +, Chrome 17 e +.
França

Homem ataca pedestres com veículo em Marselha e deixa um morto

media Polícia francesa durante investigações da região do Porto Velho de Marselha, em 17 de agosto de 2017. REUTERS/Philippe Laurenson

Um homem avançou com seu veículo na manhã desta segunda-feira (21) contra dois pontos de ônibus em Marselha, no sudeste da França, numa ação que deixou um morto e uma pessoa gravemente ferida, informou a polícia local.

O incidente aconteceu entre 8h30 e 9h30 da França (3h30 e 4h30 de Brasília) e o motorista foi detido. O motorista do veículo, uma van Renault Master, avançou contra um primeiro ponto de ônibus ao nordeste da cidade portuária e deixou uma pessoa gravemente ferida, antes de seguir para o segundo ponto, ao sul, onde uma pessoa morreu atropelada.

Até o momento a polícia não informou se trata o caso como um ataque terrorista, mas a pista privilegiada é a de que o motorista teria problemas psiquiátricos. O prefeito do 11° distrito de Marselha, Julien Ravier, afirmou ao canal francês BFMTV que a vítima fatal era uma mulher com idade por volta de 40 anos, que se encontrava sozinha no ponto de ônibus.

Em uma mensagem no Twitter, a polícia informou que uma operação estava em curso e pediu aos moradores que permaneçam afastados da área dos atropelamentos. A zona do porto de Marselha, onde o suspeito de 35 anos foi detido, está completamente isolada.

O incidente aconteceu no momento em que a polícia de toda Europa procura o motorista de uma van que atropelou uma multidão no centro turístico de Barcelona na semana passada, deixando 13 mortos e mais de 100 feridos. A França, um dos países europeus mais afetados pelo terrorismo, encontra-se em estado de emergência desde os atentados de 2015.

Sobre o mesmo assunto
 
O tempo de conexão expirou.