Ouvir Baixar Podcast
  • 08h57 - 09h00 GMT
    Flash de notícias 21/11 08h57 GMT
  • 08h36 - 08h57 GMT
    Programa 21/11 08h36 GMT
  • 08h30 - 08h36 GMT
    Jornal 21/11 08h30 GMT
  • 14h27 - 14h30 GMT
    Flash de notícias 20/11 14h27 GMT
  • 14h06 - 14h27 GMT
    Programa 20/11 14h06 GMT
  • 14h00 - 14h06 GMT
    Jornal 20/11 14h00 GMT
  • 08h33 - 08h57 GMT
    Programa 19/11 08h33 GMT
  • 08h30 - 08h33 GMT
    Jornal 19/11 08h30 GMT
Para poder acessar todos os conteúdos multimídia, você deve instalar o plugin Flash no seu navegador. Para se conectar, você deve ativar os cookies nas configurações do navegador. O site da RFI é compatível com os seguintes navegadores: Internet Explorer 8 e +, Firefox 10 e +, Safari 3 e +, Chrome 17 e +.
França

Paris pode rejeitar ser sede dos Jogos Olímpicos de 2028, diz imprensa

media Os representantes da delegação francesa Paris 2024, liderada pelo presidente francês Emmanuel Macron, na sede do COI, em Lausanne, na terça-feira (11). REUTERS/Pierre Albouy

O anúncio da realização dos Jogos Olímpicos em Paris ocupa as páginas dos principais jornais franceses desta quarta-feira (12). O Comitê Olímpico Internacional (COI) aprovou na terça-feira (11) a nomeação de Paris e de Los Angeles como sede das Olimpíadas de 2024 e 2028, sem anunciar em qual ano que cada cidade realizará o evento esportivo. O suspense acaba em setembro, quando sai a decisão final, mas a imprensa francesa não esconde sua ansiedade e acredita que a capital pode até mesmo se recusar a realizar a competição em 2028.

O jornal Les Echos se pergunta se, no caso de Los Angeles ser escolhida para sediar os jogos em 2024, Paris vai aceitar a derrota e a realização do evento quatro anos depois. "Até o momento, o comitê da candidatura da capital francesa declarou estar batalhando por 2024".

Em entrevista ao diário econômico na segunda-feira, a ministra francesa do Esporte, Laura Flessel, deixou bem claro que os trabalhos focam nos jogos de 2024. O principal argumento é que o espaço da Plaine Saint Denis, onde a cidade olímpica deve ser construída, pode não estar mais disponível em 2028.

O diário Aujourd'hui en France estampa como manchete: "Paris, cidade (quase) olímpica!". "Que ideia do comitê olímpico anunciar Los Angeles e a capital francesa como vencedoras sem designar o ano", critica o jornal.

Aujourd'hui en France acredita que não obter os jogos de 2024 pode representar um fracasso para a França. Por isso, a realização das Olimpíadas de 2028 em Paris é "simplesmente inaceitável", publica o jornal.

Boa notícia para os franceses

O jornal Le Figaro aposta todas as suas fichas que a capital francesa será escolhida para sediar os jogos de 2024, marcando cem anos desde que Paris recebeu as Olimpíadas pela última vez, em 1924. Para o diário, diante do atual cenário em de batalha pela sua recuperação econômica, luta contra o terrorismo e baixa do moral dos franceses, a notícia pode entusiasmar a população.

No entanto, Le Figaro destaca que Hermes, o deus grego do atletismo, também é o deus do comércio e que, nas últimas edições, os Jogos Olímpicos trouxeram problemas financeiros colossais aos países realizadores. "Receber as Olimpíadas significa investir enormemente em equipamentos esportivos, infraestrutura, garantir uma segurança infalível" e tudo isso custa muito caro, ressalta.

O diário lembra, por exemplo, como a realização do evento em 2004 em Atenas, mergulhou a Grécia em um fiasco econômico do qual se recupera até hoje. "Mesmo em Olímpia, toda a medalha tem dois lados", salienta.

Sobre o mesmo assunto
 
O tempo de conexão expirou.