Ouvir Baixar Podcast
  • 09h30 - 09h33 GMT
    Jornal 26/03 09h30 GMT
  • 09h30 - 09h36 GMT
    Jornal 28/03 09h30 GMT
  • 09h33 - 09h57 GMT
    Programa 26/03 09h33 GMT
  • 09h36 - 09h57 GMT
    Programa 28/03 09h36 GMT
  • 09h57 - 10h00 GMT
    Flash de notícias 28/03 09h57 GMT
  • 15h00 - 15h06 GMT
    Jornal 28/03 15h00 GMT
  • 15h06 - 15h27 GMT
    Programa 28/03 15h06 GMT
  • 15h27 - 15h30 GMT
    Flash de notícias 28/03 15h27 GMT
Para poder acessar todos os conteúdos multimídia, você deve instalar o plugin Flash no seu navegador. Para se conectar, você deve ativar os cookies nas configurações do navegador. O site da RFI é compatível com os seguintes navegadores: Internet Explorer 8 e +, Firefox 10 e +, Safari 3 e +, Chrome 17 e +.
França

Caricatura antissemita de Macron em tuíte da direita cria polêmica

media Caricatura do candidato Emmanuel Macron, em tuíte do partido Os Republicanos em 10 de março de 2017 Reprodução: Twitter

O movimento político En Marcha!, do candidato presidencial Emmanuel Macron, anunciou que vai entrar com uma queixa na justiça contra o partido Os Republicanos, que postou em seu twitter uma caricatura de Macron que sugere uma propaganda antissemita. François Fillon, candidato da direita, criticou o tuíte.  

Nariz adunco, cartola, um charuto e uma foice na mão. Assim Emmanuel Macron foi representado em um tuíte do partido Os Republicanos no dia 10 de março. "O que me preocupa é essa imagem que nos lembra anos sombrios", lamentou Richard Ferrand, secretário-geral do movimento.

François Fillon, candidato do partido de direita, criticou imediatamente o desenho e reclamou sanções internas. Em um comunicado, ele disse que o desenho é "inaceitável": "Compreendo a emoção que essa caricatura possa ter causado pois ela evoca desenhos de uma época sombria de nossa história e veicula uma ideologia contra a qual eu sempre lutei", disse o ex-primeiro-ministro, que tuiutou: Não vou tolerar que meu partido divulgue caricaturas reutilizando os códigos da propaganda antissemita @FrancoisFillon Março 11, 2017

Fillon também declarou que o secretário-geral do partido Os Republicanos pediu desculpas públicas. "Eu o orientei para aplicar as sanções que se impõem aos que deram ao nosso partido uma imagem totalmente contrária aos nossos valores".

Foi em um comunicado pelo Twitter também que o secretário-geral do partido de direita, Bernard Accoyer, apresentou pedido de desculpas.

A história da caricatura de Macron

Foi na sexta-feira (10) que Os Republicanos postaram em seu twitter uma infografia chamada "A verdade sobre a galáxia Macron", representando o candidato independente, ex-banqueiro, vestido com terno e gravata e um grande nariz pontudo, um charuto e uma foice vermelha. Em torno dele, vemos um círculo com as fotografias de doze partidários de esquerda, socialistas em sua maioria, com a frase: "Retuíte se você quer a alternância com François Fillon".

Pouco depois do tuíte, a esfera das redes sociais explodiu com comentários revoltados e indignados, levando Os Republicanos a retirarem a imagem "para evitar polêmicas inúteis".

 

Sobre o mesmo assunto
 
O tempo de conexão expirou.