Ouvir Baixar Podcast
  • 09h57 - 10h00 GMT
    Flash de notícias 19/08 09h57 GMT
  • 09h33 - 09h57 GMT
    Programa 19/08 09h33 GMT
  • 09h30 - 09h33 GMT
    Jornal 19/08 09h30 GMT
  • 15h27 - 15h30 GMT
    Flash de notícias 18/08 15h27 GMT
  • 15h06 - 15h27 GMT
    Programa 18/08 15h06 GMT
  • 15h00 - 15h06 GMT
    Jornal 18/08 15h00 GMT
  • 09h36 - 09h57 GMT
    Programa 18/08 09h36 GMT
  • 09h30 - 09h36 GMT
    Jornal 18/08 09h30 GMT
Para poder acessar todos os conteúdos multimídia, você deve instalar o plugin Flash no seu navegador. Para se conectar, você deve ativar os cookies nas configurações do navegador. O site da RFI é compatível com os seguintes navegadores: Internet Explorer 8 e +, Firefox 10 e +, Safari 3 e +, Chrome 17 e +.
Últimas notícias
  • Grupo Estado Islâmico reivindica ataque com faca que feriu 7 pessoas em Surgut, na Rússia
  • Governo espanhol declara que célula que realizou atentados na Catalunha foi "completamente desmantelada"
  • Grupo Estado Islâmico reivindica ataque em Cambrils, na Espanha
França

Caricatura antissemita de Macron em tuíte da direita cria polêmica

media Caricatura do candidato Emmanuel Macron, em tuíte do partido Os Republicanos em 10 de março de 2017 Reprodução: Twitter

O movimento político En Marcha!, do candidato presidencial Emmanuel Macron, anunciou que vai entrar com uma queixa na justiça contra o partido Os Republicanos, que postou em seu twitter uma caricatura de Macron que sugere uma propaganda antissemita. François Fillon, candidato da direita, criticou o tuíte.  

Nariz adunco, cartola, um charuto e uma foice na mão. Assim Emmanuel Macron foi representado em um tuíte do partido Os Republicanos no dia 10 de março. "O que me preocupa é essa imagem que nos lembra anos sombrios", lamentou Richard Ferrand, secretário-geral do movimento.

François Fillon, candidato do partido de direita, criticou imediatamente o desenho e reclamou sanções internas. Em um comunicado, ele disse que o desenho é "inaceitável": "Compreendo a emoção que essa caricatura possa ter causado pois ela evoca desenhos de uma época sombria de nossa história e veicula uma ideologia contra a qual eu sempre lutei", disse o ex-primeiro-ministro, que tuiutou: Não vou tolerar que meu partido divulgue caricaturas reutilizando os códigos da propaganda antissemita @FrancoisFillon Março 11, 2017

Fillon também declarou que o secretário-geral do partido Os Republicanos pediu desculpas públicas. "Eu o orientei para aplicar as sanções que se impõem aos que deram ao nosso partido uma imagem totalmente contrária aos nossos valores".

Foi em um comunicado pelo Twitter também que o secretário-geral do partido de direita, Bernard Accoyer, apresentou pedido de desculpas.

A história da caricatura de Macron

Foi na sexta-feira (10) que Os Republicanos postaram em seu twitter uma infografia chamada "A verdade sobre a galáxia Macron", representando o candidato independente, ex-banqueiro, vestido com terno e gravata e um grande nariz pontudo, um charuto e uma foice vermelha. Em torno dele, vemos um círculo com as fotografias de doze partidários de esquerda, socialistas em sua maioria, com a frase: "Retuíte se você quer a alternância com François Fillon".

Pouco depois do tuíte, a esfera das redes sociais explodiu com comentários revoltados e indignados, levando Os Republicanos a retirarem a imagem "para evitar polêmicas inúteis".

 

Sobre o mesmo assunto
 
O tempo de conexão expirou.