Ouvir Baixar Podcast
  • 14h27 - 14h30 GMT
    Flash de notícias 15/11 14h27 GMT
  • 14h06 - 14h27 GMT
    Programa 15/11 14h06 GMT
  • 14h00 - 14h06 GMT
    Jornal 15/11 14h00 GMT
  • 08h57 - 09h00 GMT
    Flash de notícias 15/11 08h57 GMT
  • 08h36 - 08h57 GMT
    Programa 15/11 08h36 GMT
  • 08h30 - 08h36 GMT
    Jornal 15/11 08h30 GMT
  • 08h33 - 08h57 GMT
    Programa 11/11 08h33 GMT
  • 08h30 - 08h33 GMT
    Jornal 11/11 08h30 GMT
Para poder acessar todos os conteúdos multimídia, você deve instalar o plugin Flash no seu navegador. Para se conectar, você deve ativar os cookies nas configurações do navegador. O site da RFI é compatível com os seguintes navegadores: Internet Explorer 8 e +, Firefox 10 e +, Safari 3 e +, Chrome 17 e +.
França

Francês de 105 anos bate recorde em corrida de bicicleta

media Robert Marchand impressionou ao concluir o desafio, apesar de seus 105 anos REUTERS/Jacky Naegelen

O francês Robert Marchand, de 105 anos, percorreu nesta quarta-feira (4) mais de 20 quilômetros de bicicleta em uma hora. A façanha foi transmitida ao vivo, quase sem interrupções, pelas redes de televisão do país.

O ciclista terminou o percurso de 22,547 km sem dificuldades. “Não estou cansado, nem com dores nas pernas. Estou apenas com os braços doloridos. Mas é normal ter dores em alguma parte do corpo” brincou, rodeado de jornalistas, após dar 92 voltas na pista de um velódromo da região parisiense.

“Pensei que ainda restavam alguns quilômetros a percorrer. Poderia ter ido mais rápido", declarou sorridente o francês de apenas um metro e meio de altura. Centenas de pessoas foram ao local torcer pelo atleta da terceira idade. "Agora espero encontrar um adversário", ironizou, referindo-se a alguém que consiga bater seu recorde na nova categoria, criada especialmente para ele, de ciclistas a partir de 105 anos.

O segredo de seu estado físico, explicou recentemente, é a prática regular do esporte, o consumo de muitas frutas e verduras. O corredor também informou que não bebe muito álcool e não fuma.

A psicóloga e professora universitária Veronique Billat, que o acompanha desde que completou 100 anos, revelou o mistério: "Seu corpo é pequeno, mas tem um coração que bombeia tanto sangue por minuto quanto o de uma pessoa maior". Mas sua personalidade também desempenha papel, pois "ele tem uma grande determinação, não duvida, não tem medo de tentar as coisas".

(Com informações da AFP)

Sobre o mesmo assunto
 
O tempo de conexão expirou.