Ouvir Baixar Podcast
  • 15h27 - 15h30 GMT
    Flash de notícias 15/09 15h27 GMT
  • 15h06 - 15h27 GMT
    Programa 15/09 15h06 GMT
  • 15h00 - 15h06 GMT
    Jornal 15/09 15h00 GMT
  • 09h57 - 10h00 GMT
    Flash de notícias 15/09 09h57 GMT
  • 09h33 - 09h57 GMT
    Programa 15/09 09h33 GMT
  • 09h30 - 09h33 GMT
    Jornal 15/09 09h30 GMT
  • 15h27 - 15h30 GMT
    Flash de notícias 14/09 15h27 GMT
  • 15h06 - 15h27 GMT
    Programa 14/09 15h06 GMT
Para poder acessar todos os conteúdos multimídia, você deve instalar o plugin Flash no seu navegador. Para se conectar, você deve ativar os cookies nas configurações do navegador. O site da RFI é compatível com os seguintes navegadores: Internet Explorer 8 e +, Firefox 10 e +, Safari 3 e +, Chrome 17 e +.
França

Franceses pagam para ganhar presente surpresa todo o mês

media Kitchen Trotter @kitchentrotter.com

Uma nova versão do “presente para eu mesmo” conquista os franceses – a diferença é que, em vez de ir até uma loja e comprar algum produto para si, o mimo é uma surpresa temática que chega pelo correio todos os meses. A assinatura de caixas-surpresa surgiu há quatro anos, mas estourou no mercado em 2016. Hoje, existem opções para os mais diversos produtos e para todos os bolsos.

O funcionamento é como uma assinatura convencional: o cliente paga um valor mensal fixo e, em troca, recebe um pacote com produtos de culinária, beleza, decoração, passeios turísticos, música, literatura e o que mais a imaginação permitir. A cada mês, uma surpresa.

Em geral, o conteúdo da caixa não se encontra facilmente no mercado, o que dá a impressão de o consumidor receber um presente exclusivo. Para muitos, a sensação é de estar sendo presenteado por um amigo ou admirador secreto.

“O fato de ser surpresa é essencial. É o que faz toda a diferença”, afirma a ortofonista Aurélie Montigny. Fã de gastronomia e de moda, ela é assinante de uma caixa de produtos culinários e outra de meias originais. Os “auto-agrados” lhe custam cerca de € 50 por mês. (R$ 180). “Fico pensando: ‘o que será que prepararam para mim desta vez?’, porque sei que, por trás da caixa, teve alguém que tomou todo o cuidado de escolher produtos interessantes e prepará-los da maneira mais bonita possível neste pacote.”

Caixa-surpresa de meia-calças laboxdumois.fr

Volta ao mundo em uma caixa

Montigny aderiu a uma das pioneiras do serviço na França, a Kitchen Trotter, que oferece uma volta ao mundo pelas papilas gustativas. A cada mês, um país diferente é escolhido e o assinante recebe em casa até sete ingredientes importados para realizar, em casa, quatro receitas típicas do destino da vez.

Para a ortofonista, essa viagem gastronômica mensal lhe permite suprir as viagens que ela não consegue fazer de verdade. O Brasil já foi duas vezes homenageado e, graças à caixa-surpresa, Montigny foi apresentada à moqueca e à paçoca, sabores que ela adorou conhecer.

“São pessoas que adoram descobrir gostos diferentes e receber os amigos em casa para testar novos pratos. Os kits são para quatro a seis pessoas, ou seja, a ideia é dar um pontapé inicial para uma experiência convivial”, explica Masha Shatyaeva, diretora de comunicação da empresa.

Kitchen Trotter China @kitchentrotter.com

Shatyaeva confirma que o fator surpresa é tão ou mais atrativo do que os produtos em si. “Uma vez, fizemos um teste e anunciamos para os clientes qual seria o próximo destino proposto. O resultado foi péssimo!”, relata. “Muitas pessoas reclamaram e disseram que um dos maiores prazeres é justamente não saberem de onde virão os produtos da caixa seguinte. Elas sentem como se estivessem de aniversário todos os meses.”

A diretora conta que, dos 8 mil assinantes, 75% são mulheres, a maioria com entre 25 a 40 anos. O Natal é a época em que as vendas explodem – a assinatura pode ser um presente diferente, com validade de três, seis ou 12 meses de surpresas garantidas.
 

 
O tempo de conexão expirou.