Ouvir Baixar Podcast
  • 15h27 - 15h30 GMT
    Flash de notícias 23/07 15h27 GMT
  • 15h06 - 15h27 GMT
    Programa 23/07 15h06 GMT
  • 15h00 - 15h06 GMT
    Jornal 23/07 15h00 GMT
  • 09h36 - 09h57 GMT
    Programa 23/07 09h36 GMT
  • 09h30 - 09h36 GMT
    Jornal 23/07 09h30 GMT
  • 15h27 - 15h30 GMT
    Flash de notícias 22/07 15h27 GMT
  • 15h06 - 15h27 GMT
    Programa 22/07 15h06 GMT
  • 15h00 - 15h06 GMT
    Jornal 22/07 15h00 GMT
Para poder acessar todos os conteúdos multimídia, você deve instalar o plugin Flash no seu navegador. Para se conectar, você deve ativar os cookies nas configurações do navegador. O site da RFI é compatível com os seguintes navegadores: Internet Explorer 8 e +, Firefox 10 e +, Safari 3 e +, Chrome 17 e +.

Saulo Neiva: “Conto de Machado de Assis evoca situação no Brasil”

 Saulo Neiva: “Conto de Machado de Assis evoca situação no Brasil”
 
Saulo Neiva, professor de literatura da Universidade de Clermont Ferrand, no estúdio 51 da RFI RFI

Saulo Neiva nasceu no Recife e vive há 24 anos na França. Ele leciona literatura portuguesa e brasileira na Universidade Blaise Pascal, em Clermond Ferrand (centro), onde dirige a Cátedra Sá de Miranda e o laboratório CELIS - Centro de Pesquisas sobre as literaturas e a sociopoética.

Autor de diversos livros, Saulo é um grande especialista na obra do escritor brasileiro Machado de Assis. Ele criou o projeto "Machado de Assis - Le Sorcier de Rio " (Machado de Assis - O Bruxo do Rio"), realizado em 2014 e 2015, que englobou uma grande exposição na Unesco para apresentar o autor para o público francês; paralelamente houve o lançamento da coletânea de contos "Várias Histórias" em uma nova tradução pela editora Garnier. O terceiro elemento foi a elaboração de um dossiê pedagógico que pode ser usado e recebido gratuitamente pelos professores de escola primária na França. O dossiê é baseado no "Conto de escola" de Machado de Assis, publicado na França em edição ilustrada e recomendado pelo Ministério francês da Educação.

Foi também no universo de Machado que Saulo Neiva encontrou um conto menos conhecido, "O Dicionário", "Le Dictionnaire", que foi traduzido em francês e republicado em edição ilustrada por Wellington de Melo, em um trabalho de cunho satírico que lembra a crise política no Brasil. "Fizemos uma edição bilingue, ilustrada, com uma leitura deliberadamente anacrônica do texto sobre a história de um político, um conspirador que dá um golpe de Estado e sobe ao poder... ele gostaria de ser um grande poeta e toma várias decisões arbitrárias. A ilustração evoca de maneira satírica e anacrônica a situação atual do Brasil", diz o professor. Os desenhos do livro mostram o rei que toma o poder do país imaginário com o rosto de Michel Temer.

O conto foi editado em livros pequenos e delicados, artesanais, dentro do conceito "cartonero", que têm um princípio ecológico e associativo. Cada capa é única, feita a mão e reutiliza o papelão.

 

 

 


Sobre o mesmo assunto

  • França/Cultura

    Literatura brasileira precisa reconquistar franceses, dizem jornais

    Saiba mais

  • França/ Brasil

    Premiê francês revela que lia literatura brasileira na infância

    Saiba mais

  1. 1
  2. 2
  3. 3
  4. ...
  5. seguinte >
  6. último >
Programas
 
O tempo de conexão expirou.