Ouvir Baixar Podcast
  • 15h27 - 15h30 GMT
    Flash de notícias 17/09 15h27 GMT
  • 15h00 - 15h06 GMT
    Jornal 17/09 15h00 GMT
  • 09h57 - 10h00 GMT
    Flash de notícias 17/09 09h57 GMT
  • 09h36 - 09h57 GMT
    Programa 17/09 09h36 GMT
  • 09h30 - 09h36 GMT
    Jornal 17/09 09h30 GMT
  • 15h27 - 15h30 GMT
    Flash de notícias 16/09 15h27 GMT
  • 15h06 - 15h27 GMT
    Programa 16/09 15h06 GMT
  • 15h00 - 15h06 GMT
    Jornal 16/09 15h00 GMT
Para poder acessar todos os conteúdos multimídia, você deve instalar o plugin Flash no seu navegador. Para se conectar, você deve ativar os cookies nas configurações do navegador. O site da RFI é compatível com os seguintes navegadores: Internet Explorer 8 e +, Firefox 10 e +, Safari 3 e +, Chrome 17 e +.
França

Onda de calor coloca França em estado de alerta

media Parisienses e turistas se refrescam nos chuveiros disponibilizados no cais do Rio Sena nesta terça-feira (23). REUTERS/Pascal Rossignol

Quatorze departamentos franceses onde as temperaturas ultrapassaram os 30°C no início desta semana foram colocados sob "alerta laranja" nesta terça-feira (23). De acordo com o serviço de meteorologia da França, a onda de calor deve durar até pelo menos sexta-feira (26) na maior parte do país.

O alerta também vale para a região parisiense, no norte da França, onde os termômetros marcaram 30°C nesta terça-feira. Mas são as regiões oeste e sudoeste do país as mais castigadas pelas altas temperaturas. As cidades de Nantes e Bordeaux registraram 35°C hoje. O recorde foi na pequena cidade de Mont-de-Marsan, 36°C.

Segundo a Météo France, as temperaturas continuarão aumentando ao longo da semana e as máximas devem permanecer entre 35°C e 38°C. O serviço nacional de meteorologia informou que nas zonas urbanas o calor será mais intenso, "onde as temperaturas mínimas ultrapassarão os 20°C".

Em julho, o país já havia enfrentado a primeira onda de calor deste verão no hemisfério norte. Na época, algumas regiões chegaram a registrar 40°C.

Beber água e evitar esforços físicos

Em um comunicado divulgado nesta terça-feira, a Direção Geral da Saúde da França lembra a população sobre os riscos associados ao calor e as precauções a serem tomadas: beber água regularmente e evitar esforços físicos. Aos franceses que retornam das férias de verão, o órgão pede que sejam vigilantes nos transportes e levem garrafas de água, seja em carros ou em trens.

Ações de prevenção e gestão já foram colocadas em prática pelo governo, especialmente nos estabelecimentos que abrigam idosos ou pessoas com deficiência. Associações e serviços públicos também estão mobilizados para prestar assistência à população que vive em locais isolados.

Um serviço de atendimento telefônico entrará em funcionamento em toda a França a partir desta quarta-feira (24). O objetivo é responder dúvidas dos franceses e divulgar as recomendações sanitárias a serem seguidas neste período de forte calor.

Sobre o mesmo assunto
 
O tempo de conexão expirou.