Ouvir Baixar Podcast
  • 15h27 - 15h30 GMT
    Flash de notícias 26/09 15h27 GMT
  • 15h06 - 15h27 GMT
    Programa 26/09 15h06 GMT
  • 15h00 - 15h06 GMT
    Jornal 26/09 15h00 GMT
  • 09h57 - 10h00 GMT
    Flash de notícias 26/09 09h57 GMT
  • 09h36 - 09h57 GMT
    Programa 26/09 09h36 GMT
  • 09h30 - 09h36 GMT
    Jornal 26/09 09h30 GMT
  • 09h33 - 09h57 GMT
    Programa 24/09 09h33 GMT
  • 09h30 - 09h33 GMT
    Jornal 24/09 09h30 GMT
Para poder acessar todos os conteúdos multimídia, você deve instalar o plugin Flash no seu navegador. Para se conectar, você deve ativar os cookies nas configurações do navegador. O site da RFI é compatível com os seguintes navegadores: Internet Explorer 8 e +, Firefox 10 e +, Safari 3 e +, Chrome 17 e +.
França

Pilotos da Air France entram em greve

media Mais de 80% dos voos estão assegurados hoje e amanhã, garante a companhia REUTERS/Christian Hartmann/Files

Os dois principais sindicatos da companhia iniciam uma paralisação parcial neste sábado. A previsão é de que cerca de 20% dos voos sejam afetados até a próxima terça-feira (14).

A companhia Air France vai assegurar 83% dos voos que saem de Paris neste sábado e 80% neste domingo, de acordo com um comunicado divulgado pela companhia. Cerca de 25% dos pilotos aderiram à greve hoje segundo o presidente da Air France, Frédéric Gagey, mas os sindicatos afirmam que o movimento reúne 70% dos funcionários.

“Temos uma boa mobilização”, garante o porta-voz do Sindicato Nacional dos Pilotos de Linha, Emmanuel Mistral. “Preferiríamos nos sentar para conversar com Gagey em vez de discutir sobre a porcentagem de grevistas”, ironizou o representante sindical.

Em entrevista à rádio francesa RTL, o porta-voz da companhia assegurou que as portas da Air France estavam “abertas para negociações”. Segundo a empresa, 91% dos voos domésticos e 73% dos voos considerados de média distância estão garantidos. Entretanto, afirma o comunicado da empresa, “cancelamentos e atrasos não podem ser excluídos”.

A estimativa é que cada dia de greve custe cerca de € 5 milhões. As duas semanas de paralisação em setembro de 2014 contra um projeto de desenvolvimento europeu da companhia low cost Transavia custaram mais de € 400 milhões aos cofres da Air France.

Greve dos ferroviários e lixo

A greve dos ferroviários franceses perde força neste sábado e apenas 7% deles ainda aderem ao movimento, causando poucas perturbações no transporte. A paralisação dos lixeiros também continua, mas a prefeitura de Paris decidiu ontem contratar empresas privadas para limpar parcialmente as calçadas, tomada por contaîneres cheios de dejetos que transbordam, causam mau cheiro e atraem ratazanas. Metade dos caminhões de lixo que estavam bloqueados pelos grevistas foram retirados das garagens.
 

Sobre o mesmo assunto
 
O tempo de conexão expirou.