Ouvir Baixar Podcast
  • 14h27 - 14h30 GMT
    Flash de notícias 20/11 14h27 GMT
  • 14h06 - 14h27 GMT
    Programa 20/11 14h06 GMT
  • 14h00 - 14h06 GMT
    Jornal 20/11 14h00 GMT
  • 08h30 - 08h36 GMT
    Jornal 20/11 08h30 GMT
  • 08h57 - 09h00 GMT
    Flash de notícias 19/11 08h57 GMT
  • 08h33 - 08h57 GMT
    Programa 19/11 08h33 GMT
  • 08h30 - 08h33 GMT
    Jornal 19/11 08h30 GMT
  • 08h36 - 08h57 GMT
    Programa 17/11 08h36 GMT
Para poder acessar todos os conteúdos multimídia, você deve instalar o plugin Flash no seu navegador. Para se conectar, você deve ativar os cookies nas configurações do navegador. O site da RFI é compatível com os seguintes navegadores: Internet Explorer 8 e +, Firefox 10 e +, Safari 3 e +, Chrome 17 e +.

Primavera literária brasileira lança antologia em homenagem a Paris

Primavera literária brasileira lança antologia em homenagem a Paris
 
Simone Paulino, escritora, editora e co-organizadora do Printemps Littéraire. facebook.com/printempslitterairebresilien

Mais de 30 escritores brasileiros participam neste momento em Paris da 3ª edição do Printemps Littéraire Brésilien, ou Primavera Literária Brasileira.

O evento acontece até o próximo dia 31, em universidades, escolas do ensino fundamental e médio, Embaixada do Brasil e espaços culturais parisienses. A escolha dos autores presentes respeitou uma certa diversidade regional, de gênero e também editorial.
 

Alguns nomes, como Roger Melo, Marcello Quintanilha, Paloma Vidal ou Godofredo de Oliveira Neto, já foram traduzidos para o francês, mas a maioria dos autores, apesar de premiada no Brasil, ainda é desconhecida na França e busca no evento uma maior visibilidade. O Printemps Litteraire Brésilien foi criado pelo professor de literatura brasileira da Sorbonne, Leonardo Tonus, que também é o curador da mostra. Segundo ele, o evento tem um duplo objetivo: pedagogico e de promoção da cultura e literatura brasileiras na França.

Um dos destaques da 3ª edição do Printemps Littéraire Brésilien é a literatura infanto-juvenil. Vários escritores e ilustradores convidados representam o setor, fundamental para a formação de leitores, mas quadrinistas também estão em Paris para divulgar uma "literatura que não tem normalmente muito espaço no universo universitário", diz Tonus.

Antologia Olhar Paris

Alguns escritores que participaram das duas edições anteriores da Primavera Literária conseguiram após o evento serem traduzidos na França, principalmente pela editora Anacaona. E agora, durante esta terceira edição está sendo lançada, em português, a antologia «Olhar Paris», organizada por Leonardo Tonus.

Olhar Paris, editada pela Nós, traz textos de 23 autores. O livro é uma amostra da literatura diversa que está sendo produzida no Brasil hoje, aponta Simone Paulino, editora da Nós e co-organizadora da Primavera Literária Brasileira. Simone também é autora de "Fragmentos de um desencontro amoroso" que integra a antologia. Olhar Paris foi pensado também como uma homenagem a Paris, eterna fonte de inspiração literária, após os atentados de 13 de novembro. "Ninguém vem a Paris para morrer", lembra a escritora.

Pela primeira vez, desde a criação da Printemps Littéraire Brésilien, evento se internacionaliza e depois de Paris acontece também na Holanda, em Berlim e em Bolonha, durante a tradicional Feira do Livro Infanto-Juvenil italiana, no início de abril.


Sobre o mesmo assunto

  • Brasil/França/Literatura

    Primavera literária traz 30 escritores brasileiros a Paris

    Saiba mais

  • RFI CONVIDA

    "Machado de Assis é o mais vendido", diz dono de livraria brasileira em Paris

    Saiba mais

  • RFI CONVIDA

    Atriz Gabriella Scheer adapta na França obras de Clarice Lispector

    Saiba mais

  • Censura de livro com romance entre israelense e palestino cria polêmica

    Saiba mais

  1. 1
  2. 2
  3. 3
  4. ...
  5. seguinte >
  6. último >
Programas
 
O tempo de conexão expirou.