Ouvir Baixar Podcast
  • 15h27 - 15h30 GMT
    Flash de notícias 21/10 15h27 GMT
  • 15h06 - 15h27 GMT
    Programa 21/10 15h06 GMT
  • 15h00 - 15h06 GMT
    Jornal 21/10 15h00 GMT
  • 09h36 - 09h57 GMT
    Programa 21/10 09h36 GMT
  • 09h30 - 09h36 GMT
    Jornal 21/10 09h30 GMT
  • 15h27 - 15h30 GMT
    Flash de notícias 20/10 15h27 GMT
  • 15h06 - 15h27 GMT
    Programa 20/10 15h06 GMT
  • 15h00 - 15h06 GMT
    Jornal 20/10 15h00 GMT
Para poder acessar todos os conteúdos multimídia, você deve instalar o plugin Flash no seu navegador. Para se conectar, você deve ativar os cookies nas configurações do navegador. O site da RFI é compatível com os seguintes navegadores: Internet Explorer 8 e +, Firefox 10 e +, Safari 3 e +, Chrome 17 e +.
França

Moradores de ilha tentam encontrar possíveis restos do MH370

media Moradores da Ilha da Reunião estão motivados para encontrar mais destroços do voo MH370. REUTERS/Jacky Naegelen

Novos “destroços metálicos” que podem ser do voo MH370, da Malaysia Airlines, foram encontrados na costa da Ilha da Reunião, no oceano Índico. O material foi recolhido e guardado pela polícia no território francês ultramarino. Neste domingo (2), o governo malaio confirmou que o pedaço de asa de avião resgatado na semana passada é mesmo de um Boeing 777, como o que desapareceu em março de 2014.

Em um comunicado, o ministro dos Transportes da Malásia, Liow Tiong, declarou que o objeto “foi oficialmente identificado como sendo uma peça de Boeing 777”. “Essa informação foi verificada pelas autoridades francesas, pelo construtor Boeing e a agência de segurança americana de transportes aéreos”, indicou o ministro.

O país pede que a zona de buscas pelos destroços da aeronave seja expandida até a Ilha da Reunião. Neste domingo, uma fonte da polícia francesa afirmou que restos metálicos foram localizados por um pedestre. O material foi recolhido pela seção de transportes aéreos da polícia francesa. Mas segundo uma fonte judicial, não houve novos objetos incluídos nas análises da investigação sobre o desaparecimento do voo MH370.

Moradores empolgados

Por enquanto, nada leva a crer que esses destroços sejam de fato de um avião. Não foram informados detalhes sobre os objetos encontrados. Um fotógrafo da agência AFP constatou que uma peça metálica de cerca de 10 centímetros de diâmetro foi levada pelos agentes no litoral de Saint-Denis, no norte da ilha.

Na quarta-feira, um fragmento de asa de avião foi resgatado na ilha e levado para Toulouse neste sábado, para ser examinado por especialistas de um centro de excelência no assunto. A polícia indicou que, desde a descoberta, os habitantes da ilha estão motivados para encontrar novos destroços. Um pedaço de alumínio de 70 centímetros foi levado por um homem até uma delegacia de Saint-André, o mesmo lugar onde a parte da asa foi localizada.

Com informações AFP
 

Sobre o mesmo assunto
 
O tempo de conexão expirou.