Ouvir Baixar Podcast
  • 15h27 - 15h30 GMT
    Flash de notícias 17/09 15h27 GMT
  • 15h00 - 15h06 GMT
    Jornal 17/09 15h00 GMT
  • 09h57 - 10h00 GMT
    Flash de notícias 17/09 09h57 GMT
  • 09h36 - 09h57 GMT
    Programa 17/09 09h36 GMT
  • 09h30 - 09h36 GMT
    Jornal 17/09 09h30 GMT
  • 15h27 - 15h30 GMT
    Flash de notícias 16/09 15h27 GMT
  • 15h06 - 15h27 GMT
    Programa 16/09 15h06 GMT
  • 15h00 - 15h06 GMT
    Jornal 16/09 15h00 GMT
Para poder acessar todos os conteúdos multimídia, você deve instalar o plugin Flash no seu navegador. Para se conectar, você deve ativar os cookies nas configurações do navegador. O site da RFI é compatível com os seguintes navegadores: Internet Explorer 8 e +, Firefox 10 e +, Safari 3 e +, Chrome 17 e +.
França

Torre Eiffel inaugura piso transparente para dar mais emoção a turistas

media Vista geral do projeto de modificação do primeiro andar da Torre Eiffel © agence Moatti-Rivière

O monumento mais famoso e mais visitado do mundo, a Torre Eiffel, inaugura nesta segunda-feira (6) uma nova atração. No primeiro andar, os turistas poderão caminhar sobre um piso inteiramente transparente que promete uma visão panorâmica para quem não tem medo de altura. Todos os anos, sete milhões de pessoas visitam a Torre, dos quais 85% são turistas estrangeiros.  

O mais amplo dos andares da torre é, paradoxalmente, o menos visitado. A empresa responsável pela exploração do monumento, a Sete, espera que, com a reforma, concebido pela agência francesa de arquitetos Moatti-Rivière, o local se torne um espaço dedicado a uma pausa no final da visita, com serviços e praça de alimentação.

Transparência

As reformas custaram € 30 milhões e começaram em maio de 2012. O piso opaco deu lugar a um solo em vidro, material que também reveste as paredes. Essas novidades pretendem estimular a emoção dos visitantes da Torre, a 57m de altura. A altura total da Torre, com antenas, é de 342m. A segunda plataforma está a 115m, e a terceira, a 276m.

Os dois pavilhões leste e oeste, datando de 1981, foram demolidos e reconstruídos. Na parte leste, o salão Gustave Eiffel vai ser um local de recepções e conferências profissionais. Na parte leste, o pavilhão Ferrié vai abrigar as lojas e lanchonetes, além de uma sala de projeção. O acesso para cadeirantes também foi melhorado.
 

Sobre o mesmo assunto
 
O tempo de conexão expirou.