Ouvir Baixar Podcast
  • 15h27 - 15h30 GMT
    Flash de notícias 21/05 15h27 GMT
  • 15h06 - 15h27 GMT
    Programa 21/05 15h06 GMT
  • 15h00 - 15h06 GMT
    Jornal 21/05 15h00 GMT
  • 09h57 - 10h00 GMT
    Flash de notícias 21/05 09h57 GMT
  • 09h36 - 09h57 GMT
    Programa 21/05 09h36 GMT
  • 09h30 - 09h36 GMT
    Jornal 21/05 09h30 GMT
  • 15h27 - 15h30 GMT
    Flash de notícias 20/05 15h27 GMT
  • 15h06 - 15h27 GMT
    Programa 20/05 15h06 GMT
Para poder acessar todos os conteúdos multimídia, você deve instalar o plugin Flash no seu navegador. Para se conectar, você deve ativar os cookies nas configurações do navegador. O site da RFI é compatível com os seguintes navegadores: Internet Explorer 8 e +, Firefox 10 e +, Safari 3 e +, Chrome 17 e +.
Europa

VÍDEO: Economista de Cambridge protesta nua contra o Brexit

media Victoria Bateman, doutora em economia na prestigiosa Universidade de Cambridge, transformou seu corpo em uma arma para transmitir sua mensagem sobre o Brexit Captura de vídeo

“O Brexit vai deixar a Grã-Bretanha nua”. Esta é a mensagem que a economista britânica Victoria Bateman, professora na conceituada Universidade de Cambridge e doutora pela prestigiada Oxford, vem passando nas últimas semanas no Reino Unido em aparições onde discursa totalmente nua para contestar a saída do país da União Europeia.

Especialista em História Econômica e Macroeconomia, a acadêmica diz querer mostrar como “o Brexit vai deixar a economia britânica vulnerável”. Após listar a maioria dos problemas encontrados no Reino Unido, como a “falta de moradia” ou a “estagnação dos salários”, ela lembra que “a União Europeia (UE) não é a causadora desses problemas”. “Como então dizer que o Brexit irá nos ajudar a resolvê-los? ”, pergunta Victoria Bateman ouvida pela revista francesa L’Obs.

“Brexit significa que teremos menos controle de nossas vidas e menos liberdade. E a mais importante que tivemos como país-membro da UE é a livre circulação. Você acredita que deveria se tornar refém do país onde nasceu, perdendo as oportunidades que poderiam surgir em outros lugares do mundo e da Europa? ”, questiona.

“Não sou exibicionista”

Antes de aparecer nua, Bateman se apresenta como feminista e diz que defende o direito das mulheres em fazer o que bem entendem com seu próprio corpo. Para fincar a sua posição, escreveu na pele a frase “Brexit deixa a Grã-Bretanha nua”. “Não sou uma exibicionista. Sou uma mulher confortável com o meu corpo, no controle dele, que está feliz em usá-lo para transmitir uma mensagem importante sobre o tema mais importante que o Reino Unido enfrenta em toda uma geração”, ressalta.

Em fevereiro, Bateman defendeu sua posição em rede nacional durante uma entrevista em um dos principais canais de televisão do país. Perante uma audiência média de 700 mil telespectadores, a economista de 40 anos quis mostrar o que definiu como “as novas roupas do imperador”, para concluir que a saída do Reino Unido da União Europeia deixa o país “despido economicamente”.

Em janeiro, ela promoveu uma ação onde pediu ao público que assinasse diretamente em sua pele, como se fosse uma petição contra o Brexit. Quanto ao protesto sem roupa, ela defende que deve usar o seu corpo “para transmitir uma mensagem importante”. “Por que eu deveria, como mulher, usar o meu corpo apenas para sexo e bebês? ”, questiona.

Xingamentos

Nas redes sociais Victoria Bateman vem sofrendo uma onda de insultos e mensagens de ódio como “porca suja” ou “você é a prova de que as mulheres nunca deveriam ter recebido o direito de votar”. Em resposta, Bateman deplorou que “não há problema em ficar nua se estiver em silêncio” e para fazer “sexo”, “mas usar o corpo para passar uma mensagem política importante, já torna a mulher em uma desgraça e em uma estúpida comunista”.

Brexit é uma enganação

Nos últimos dias ela desafiou um deputado conservador a debater nu a saída da União Europeia. Nesta quinta-feira (14) o parlamento britânico volta a se reunir para mais uma votação relacionada ao Brexit, desta vez para decidir como será o pedido de extensão do prazo para o Reino Unido deixar a União Europeia.

Pelas redes sociais, Victoria Bateman mandou um recado aos parlamentares: “Agora é a hora de combater o enganoso Brexit e de fazer a coisa certa. Precisamos parar de usar a União Europeia como um bode expiatório para os nossos problemas.

Sobre o mesmo assunto
 
O tempo de conexão expirou.