Ouvir Baixar Podcast
  • 14h27 - 14h30 GMT
    Flash de notícias 10/12 14h27 GMT
  • 14h06 - 14h27 GMT
    Programa 10/12 14h06 GMT
  • 14h00 - 14h06 GMT
    Jornal 10/12 14h00 GMT
  • 08h57 - 09h00 GMT
    Flash de notícias 10/12 08h57 GMT
  • 08h36 - 08h57 GMT
    Programa 10/12 08h36 GMT
  • 08h30 - 08h36 GMT
    Jornal 10/12 08h30 GMT
  • 08h33 - 08h57 GMT
    Programa 09/12 08h33 GMT
  • 08h30 - 08h33 GMT
    Jornal 09/12 08h30 GMT
Para poder acessar todos os conteúdos multimídia, você deve instalar o plugin Flash no seu navegador. Para se conectar, você deve ativar os cookies nas configurações do navegador. O site da RFI é compatível com os seguintes navegadores: Internet Explorer 8 e +, Firefox 10 e +, Safari 3 e +, Chrome 17 e +.
Europa

Húngaros protestam contra o primeiro-ministro Viktor Orban

media Mulheres na manifestação contra o primeiro-ministro húngaro Viktor Orban em 16 de setembro de 2018. REUTERS/Bernadett Szabo

Cerca de mil húngaros protestaram neste domingo (16) contra o primeiro-ministro Viktor Orban em um comício pró-europeu organizado por partidos de esquerda.

O Parlamento Europeu instou na terça-feira (12) os Estados membros a punir a Hungria por violar as regras democráticas europeias, por violações dos direitos civis e corrupção, uma medida sem precedentes.

O governo húngaro pretende contestar esta decisão, que descreve como "vingança mesquinha", mas é improvável que tenha sucesso, uma vez que a Polônia e a República Tcheca anunciaram que vão vetar quaisquer sanções contra Budapeste.

"A Europa está do nosso lado, agora cabe a nós jogar, Orban e seu partido Fidesz perderam no Parlamento Europeu, e a Hungria venceu", disseram os organizadores da manifestação de domingo em Budapeste em um comunicado transmitido no Facebook.

Viktor Orban venceu o terceiro mandato consecutivo em abril e o Fidesz esmagou a oposição.

Sobre o mesmo assunto
 
O tempo de conexão expirou.