Ouvir Baixar Podcast
  • 15h00 - 15h06 GMT
    Jornal 23/07 15h00 GMT
  • 09h57 - 10h00 GMT
    Flash de notícias 23/07 09h57 GMT
  • 09h36 - 09h57 GMT
    Programa 23/07 09h36 GMT
  • 09h30 - 09h36 GMT
    Jornal 23/07 09h30 GMT
  • 15h27 - 15h30 GMT
    Flash de notícias 22/07 15h27 GMT
  • 15h06 - 15h27 GMT
    Programa 22/07 15h06 GMT
  • 09h33 - 09h57 GMT
    Programa 22/07 09h33 GMT
  • 09h30 - 09h33 GMT
    Jornal 22/07 09h30 GMT
Para poder acessar todos os conteúdos multimídia, você deve instalar o plugin Flash no seu navegador. Para se conectar, você deve ativar os cookies nas configurações do navegador. O site da RFI é compatível com os seguintes navegadores: Internet Explorer 8 e +, Firefox 10 e +, Safari 3 e +, Chrome 17 e +.
Europa

UE aprova segunda fase de negociações com o Reino Unido

media Theresa May: "um passo importante na direção de um Brexit suave e moderado". REUTERS/Eric Vidal TPX IMAGES OF THE DAY

Os 27 países membros da União Europeia aprovaram oficialmente, nesta sexta-feira (15), a abertura da próxima fase de negociações com o Reino Unido, incluindo suas futuras relações comerciais, já prevendo que ela será “muito mais difícil” do que a primeira fase do Brexit.

Como previsto, os 27 representantes aprovaram o pré-acordo que lhes foi apresentado por Michel Barnier, o negociador-chefe do Brexit na União Europeia (UE). Agora, os membros poderão começar a discutir as condições que a UE pretende aplicar ao comércio com o Reino Unido.

“Hoje demos um passo importante na direção de um Brexit suave e ordenado e da elaboração de uma futura parceria estreita e especial”, tuitou a primeira-ministra Theresa May, agradecendo ao presidente da Comissão Europeia, Jean-Claude Juncker, e o presidente do Conselho Europeu, Donald Tusk.

Contatos exploratórios

A União Europeia fará « contatos exploratórios » com Londres a respeito das suas futuras relações com o Reino Unido, no período pós-Brexit, previsto para começar no fim de março de 2019, declarou nesta sexta-feira (15) o presidente do Conselho Europeu, Donald Tusk, lembrando que a tarefa não será fácil.

“No que diz respeito às nossas futuras relações, chegamos à hora das discussões internas, entre os 27 membros da União Europeia, e dos contatos com o Reino Unido para que possamos iluminar melhor a questão”, completou.

 Questionado sobre a possibilidade de finalizar as negociações e assinar o acordo de saída até março de 2019, o presidente do Conselho Europeu disse que era “possível, mas muito difícil”.

"É evidente que a segunda fase será mais exigente, mais complicada”, advertiu Donald Tusk.

Sobre o mesmo assunto
 
O tempo de conexão expirou.