Ouvir Baixar Podcast
  • 09h57 - 10h00 GMT
    Flash de notícias 18/08 09h57 GMT
  • 09h33 - 09h57 GMT
    Programa 18/08 09h33 GMT
  • 09h30 - 09h33 GMT
    Jornal 18/08 09h30 GMT
  • 15h27 - 15h30 GMT
    Flash de notícias 17/08 15h27 GMT
  • 15h06 - 15h27 GMT
    Programa 17/08 15h06 GMT
  • 15h00 - 15h06 GMT
    Jornal 17/08 15h00 GMT
  • 09h57 - 10h00 GMT
    Flash de notícias 17/08 09h57 GMT
  • 09h33 - 09h57 GMT
    Programa 17/08 09h33 GMT
Para poder acessar todos os conteúdos multimídia, você deve instalar o plugin Flash no seu navegador. Para se conectar, você deve ativar os cookies nas configurações do navegador. O site da RFI é compatível com os seguintes navegadores: Internet Explorer 8 e +, Firefox 10 e +, Safari 3 e +, Chrome 17 e +.
Europa

França e Brasil assinam acordo na área de infraestrutura

media O ministro do Planejamento brasileiro, Dyogo Oliveira, e o da Economia e Finanças, Michel Sapin (Marcelo Camargo/Agência Brasil)

A França e Brasil assinaram nesta sexta-feira (31) um acordo para fortalecer a cooperação na área de infraestrutura, durante uma visita a Brasília do ministro francês da Economia, Michel Sapin.

A primeira reunião de trabalho entre os dois países deve acontecer em junho, quando os projetos devem ser detalhados. O acordo "permitirá um intercâmbio frutífero de experiências em relação às modalidades, ao financiamento e à governança das associações público-privadas no setor de infraestrutura", declarou Sapin em uma coletiva ao lado do ministro do Planejamento, Dyogo de Oliveira.

"Há um verdadeiro apetite por parte de empresas francesas de investir no Brasil. Este acordo permitirá reforçar nossa cooperação", acrescentou. Sapin concluiu no Brasil uma viagem de três dias pela América do Sul. No sábado, visitará os estados brasileiros de São Paulo e Minas Gerais, onde se reunirá com empresários franceses e brasileiros dos setores de aeronáutica, saúde e novas tecnologias.

Presidente francês quer acelerar negociações com o Mercosul

O ministro do presidente socialista François Hollande, que em maio concluirá seu mandato, reafirmou a necessidade de acelerar as negociações do acordo de livre-comércio entre a União Europeia (UE) e o Mercosul (Argentina, Brasil, Paraguai e Uruguai).

"No contexto atual, é importante reafirmar coletivamente nosso compromisso conm o multilateralismo", disse.
 

Sobre o mesmo assunto
 
O tempo de conexão expirou.