Ouvir Baixar Podcast
  • 15h27 - 15h30 GMT
    Flash de notícias 18/06 15h27 GMT
  • 15h06 - 15h27 GMT
    Programa 18/06 15h06 GMT
  • 15h00 - 15h06 GMT
    Jornal 18/06 15h00 GMT
  • 09h57 - 10h00 GMT
    Flash de notícias 18/06 09h57 GMT
  • 09h36 - 09h57 GMT
    Programa 18/06 09h36 GMT
  • 09h30 - 09h36 GMT
    Jornal 18/06 09h30 GMT
  • 15h27 - 15h30 GMT
    Flash de notícias 17/06 15h27 GMT
  • 15h06 - 15h27 GMT
    Programa 17/06 15h06 GMT
Para poder acessar todos os conteúdos multimídia, você deve instalar o plugin Flash no seu navegador. Para se conectar, você deve ativar os cookies nas configurações do navegador. O site da RFI é compatível com os seguintes navegadores: Internet Explorer 8 e +, Firefox 10 e +, Safari 3 e +, Chrome 17 e +.
Europa

Lista de membros alemães do grupo EI pode ser autêntica, diz polícia da Alemanha

media Reprodução do site da Sky News que relata lista de 22.000 jihadistas. Reprodução

A polícia criminal alemã admitiu, nesta quinta-feira (10), ser “provavelmente autêntica” a lista de combatentes alemães do grupo Estado Islâmico (EI), divulgada pela imprensa alemã no início desta semana.

“Nós partimos do princípio de que trata-se de documentos muito provavelmente autênticos e que nós iremos levar em conta nas investigações judiciais e para nossas medidas de segurança”, disse Markus Koths, porta-voz da polícia criminal alemã (BKA). No entanto, a BKA não quis dar detalhes sobre o conteúdo dos documentos que estão em posse da polícia.

No início da semana, o jornal Süddeutsche Zeitung (SZ), de Munique, e os canais de televisão NDR e WDR disseram possuir dezenas de fichas de filiação de alemães ao grupo jihadista.

Na noite desta quarta-feira, (09), o canal de TV britânico Sky News anunciou possuir um documento com 22 mil candidatos estrangeiros, de 51 países diferentes, para se filiarem ao Estado Islâmico. A Sky News informou que conseguiu ter acesso à lista através de um ex-membro do EI. Abu Hamed teria roubado os documentos do chefe da polícia interna da organização antes de desertar.

Dados ajudarão a entender organização do EI

Outro jornal alemão, Süddeutsche Zeitung (SZ), e o site sírio Zaman al-Wasl, informaram possuir os mesmos documentos divulgados pela Sky News. Os formulários em questão trazem informações como nome, endereço e telefone dos interessados a se filiar ao grupo extremista.

Um porta-voz do governo britânico declarou que Londres não tinha conhecimento da existência destes documentos até então e que estava sendo estudada “uma forma de utilizar estas informações para lutar contra o Daech”. O ministro alemão do Interior, Thomas de Maizières, disse que os documentos vão trazer uma melhor compreenssão da estrutura organizacional do grupo jihadista.
 

Sobre o mesmo assunto
 
O tempo de conexão expirou.