Ouvir Baixar Podcast
  • 15h27 - 15h30 GMT
    Flash de notícias 26/06 15h27 GMT
  • 15h06 - 15h27 GMT
    Programa 26/06 15h06 GMT
  • 15h00 - 15h06 GMT
    Jornal 26/06 15h00 GMT
  • 09h57 - 10h00 GMT
    Flash de notícias 26/06 09h57 GMT
  • 09h36 - 09h57 GMT
    Programa 26/06 09h36 GMT
  • 09h30 - 09h36 GMT
    Jornal 26/06 09h30 GMT
  • 15h27 - 15h30 GMT
    Flash de notícias 25/06 15h27 GMT
  • 15h06 - 15h27 GMT
    Programa 25/06 15h06 GMT
Para poder acessar todos os conteúdos multimídia, você deve instalar o plugin Flash no seu navegador. Para se conectar, você deve ativar os cookies nas configurações do navegador. O site da RFI é compatível com os seguintes navegadores: Internet Explorer 8 e +, Firefox 10 e +, Safari 3 e +, Chrome 17 e +.
Europa

Casas de apostas britânicas faturam com expectativa por bebê de William e Kate

media Fã da família real inglesa espera o nascimento do filho ou filha do príncipe William e da duquesa Kate na frente do hospital St Mary, em Londres. REUTERS/Olivia Harris

Quando vai nascer o primeiro filho – ou filha – do príncipe William com a Duquesa de Cambridge? Essa é a pergunta que os tablóides ingleses não se cansam de fazer nas últimas semanas. Desde o começo do mês, dezenas de jornalistas de todo o mundo se aglomeram na porta do hospital de St Mary em Londres aguardando a chegada de Kate. E as casas de apostas faturam alto com a expectativa.

Ulisses Neto, correspondente da RFI em Londres

Os jornalistas de plantão na porta do hospital St Mary enfrentam o calor fortíssimo que faz na capital britânica, acima dos 30 graus, sem arredar o pé da calçada reservada para a imprensa.

Inicialmente, a expectativa era de que o terceiro na linha sucessória da coroa britânica viesse ao mundo no sábado passado. Isso não ocorreu.

Na terça-feira, a Duquesa da Cornualha, esposa do príncipe Charles, deu uma nova pista. Camilla afirmou que a família real espera o nascimento do mais novo herdeiro até o final dessa semana.

Enquanto isso, as casas de apostas britânicas faturam alto. Tanto com as especulações sobre o sexo da criança, quanto com o nome que ela vai receber. Os preferidos dos apostadores – que raramente acertam alguma coisa – são Alexandra e George.

Também nesta terça-feira o nascimento do bebê real foi assunto no Parlamento britânico. A secretária do Interior, Theresa May, foi questionada se assistiria pessoalmente ao parto de Kate. O questionamento foi apenas uma brincadeira, já que essa tradição que perdurou durante séculos acabou após o nascimento da rainha Elizabeth II.
 

Sobre o mesmo assunto
 
O tempo de conexão expirou.