Ouvir Baixar Podcast
  • 15h27 - 15h30 GMT
    Flash de notícias 16/09 15h27 GMT
  • 15h06 - 15h27 GMT
    Programa 16/09 15h06 GMT
  • 15h00 - 15h06 GMT
    Jornal 16/09 15h00 GMT
  • 09h57 - 10h00 GMT
    Flash de notícias 16/09 09h57 GMT
  • 09h36 - 09h57 GMT
    Programa 16/09 09h36 GMT
  • 09h30 - 09h36 GMT
    Jornal 16/09 09h30 GMT
  • 15h27 - 15h30 GMT
    Flash de notícias 15/09 15h27 GMT
  • 15h06 - 15h27 GMT
    Programa 15/09 15h06 GMT
Para poder acessar todos os conteúdos multimídia, você deve instalar o plugin Flash no seu navegador. Para se conectar, você deve ativar os cookies nas configurações do navegador. O site da RFI é compatível com os seguintes navegadores: Internet Explorer 8 e +, Firefox 10 e +, Safari 3 e +, Chrome 17 e +.
Europa

Comissão Europeia autoriza criação de taxa sobre transações financeiras em 11 países

media Presidente da Comissão Europeia, José Manuel Durão Barroso, no Parlamento Europeu em Estrasburgo. Reuters

A Comissão Europeia adotou nesta terça-feira proposta autorizando 11 países do bloco a instaurar uma taxa sobre transações financeiras, conhecida como "Taxa Tobin". O novo imposto, que representa uma etapa importante para uma maior cooperação do bloco no setor, pode render cerca de 10 bilhões de euros, aproximadamente 26 bilhões de reais, por ano.

Os onze países integrantes da União Europeia que pediram e receberam a autorização para a criação da taxa sobre transações financeiras são: Áustria, Bélgica, Grécia, Itália, Portugal, Eslováquia, Eslovênia, França, Alemanha, Espanha e Estônia. Para a taxa ser efetivamente instaurada ainda é necessário a autorização da maioria dos 27 países do bloco e do parlamento europeu. A Comissão Europeia espera obter esta dupla aprovação antes do final do ano.

O valor da nova taxa ainda não foi definido, mas ele pode ser de até 0,1% de todas as transações realizadas entre instituições financeiras. O destino do dinheiro recolhido também não foi ainda decidido. França e Áustria, por exemplo, querem que ele alimente um “Fundo para a Educação” e integre o orçamento europeu. A Alemanha não quer que os recursos da nova taxa alimentem o orçamento do bloco.

Em setembro de 2011, a Comissão Europeia tentou implantar a “Taxa Tobin” em todo o bloco, mas teve a oposição da Suécia, Polônia e principalmente da Grã-Bretanha, país que concentra sozinho três quartos das transações financeiras da Europa. Se os 27 países participassem, a taxa poderia gerar 57 bilhões de euros por ano.
 

Sobre o mesmo assunto
 
O tempo de conexão expirou.