Ouvir Baixar Podcast
  • 15h27 - 15h30 GMT
    Flash de notícias 22/08 15h27 GMT
  • 15h06 - 15h27 GMT
    Programa 22/08 15h06 GMT
  • 15h00 - 15h06 GMT
    Jornal 22/08 15h00 GMT
  • 09h57 - 10h00 GMT
    Flash de notícias 22/08 09h57 GMT
  • 09h36 - 09h57 GMT
    Programa 22/08 09h36 GMT
  • 09h30 - 09h36 GMT
    Jornal 22/08 09h30 GMT
  • 15h27 - 15h30 GMT
    Flash de notícias 21/08 15h27 GMT
  • 15h06 - 15h27 GMT
    Programa 21/08 15h06 GMT
Para poder acessar todos os conteúdos multimídia, você deve instalar o plugin Flash no seu navegador. Para se conectar, você deve ativar os cookies nas configurações do navegador. O site da RFI é compatível com os seguintes navegadores: Internet Explorer 8 e +, Firefox 10 e +, Safari 3 e +, Chrome 17 e +.
Europa

Visita histórica da rainha Elizabeth II à Irlanda

media A presidente irlandesa, Mary McAleese(à esq) recebe a rainha Elizabeth II que faz visita histórica à Irlanda. REUTERS/Stefan Wermuth

A rainha da Grã-Bretanha, Elizabeth II, chegou no início desta tarde, horário local, a Dublin. Esta é a primeira visita de um monarca britânico à Irlanda deste a independência do país em 1922. A visita acontece sob um forte esquema de segurança por causa de sérios riscos de atentado a bomba.

A polícia irlandesa desativou ontem à noite uma bomba colocada dentro de um ônibus na periferia da capital Dublin. A polícia chegou ao local através de uma denúncia anônima. A bomba, de fabricação caseira, poderia ter sido acionada durante a passagem da comitiva da rainha Elizabeth II, garante a polícia irlandesa. Grupos dissidentes republicanos, contrários aos acordos de paz de Ulster na Irlanda do Norte, são apontados como responsáveis.

A Irlanda está em alerta máximo e a segurança foi amplamente reforçada para receber a rainha. Oito mil policiais e dois mil militares estão mobilizados durante os quatro dias da viagem de Elizabeth II ao país.
Apesar das ameaças, as autoridades afirmam que a visita acontecerá como previsto. Ela tem um efeito altamente simbólico. Em um gesto de reconciliação, Elizabeth II vai depositar esta tarde uma coroa de flores em homenagem às vitimas da Guerra de Independência da Irlanda com a Grã-Bretanha.

Na quarta-feira, a rainha visita o estádio Croke Park, local do massacre de 14 pessoas pela polícia britânica em 1920 e também o memorial em homenagem aos soldados irlandeses, que combatiam pela Grã-Bretanha, mortos na Primeira Guerra Mundial. 81% dos irlandeses aprovam esta primeira visita de um monarca britânico ao país desde 1922 que inaugura uma nova era na relação entre os dois países.

Sobre o mesmo assunto
 
O tempo de conexão expirou.