Ouvir Baixar Podcast
  • 15h27 - 15h30 GMT
    Flash de notícias 18/08 15h27 GMT
  • 15h06 - 15h27 GMT
    Programa 18/08 15h06 GMT
  • 15h00 - 15h06 GMT
    Jornal 18/08 15h00 GMT
  • 09h57 - 10h00 GMT
    Flash de notícias 18/08 09h57 GMT
  • 09h33 - 09h57 GMT
    Programa 18/08 09h33 GMT
  • 09h30 - 09h33 GMT
    Jornal 18/08 09h30 GMT
  • 15h27 - 15h30 GMT
    Flash de notícias 17/08 15h27 GMT
  • 15h06 - 15h27 GMT
    Programa 17/08 15h06 GMT
Para poder acessar todos os conteúdos multimídia, você deve instalar o plugin Flash no seu navegador. Para se conectar, você deve ativar os cookies nas configurações do navegador. O site da RFI é compatível com os seguintes navegadores: Internet Explorer 8 e +, Firefox 10 e +, Safari 3 e +, Chrome 17 e +.
Esportes

Espanha supera "paredão" tcheco e vence primeira partida na Eurocopa

media Sergio Ramos (de frente) comemora o gol de Gerard Piqué (de costas), que deu a vitória para a Espanha em sua estreia na Eurocopa, em 13/06/16. REUTERS/Albert Gea Livepic

Um gol de cabeça de Gerard Piqué a três minutos do final da partida deu a vitória para a Espanha no seu jogo de estreia contra a República Tcheca, nesta segunda-feira (13), em Toulouse.

A "Fúria" foi superior em campo e teve várias oportunidades até conseguir furar o esquema defensivo tcheco com o zagueiro catalão, que aproveitou um centro de Andrés Iniesta. O resultado fez jus ao futebol apresentado pela seleção espanhola, que teve várias ocasiões de sair de campo com um placar mais elástico. Sob os olhares atentos do rei Felipe VI, o time treinado por Vicente del Bosque teve 67% da posse de bola e fez 17 chutes a gol, contra apenas sete dos adversários.

Apesar do domínio em campo, a Espanha encontrou muitas dificuldades em superar uma defesa muito bem organizada e sólida. Os tchecos apostaram nos contra golpes e chegaram a assustar o rival principalmente nos lances de bola parada.

Além da falta de pontaria, os espanhóis pararam também na boa atuação do goleiro Peter Cech. O tcheco roubou o protagonismo de David de Gea, escolhido por del Bosque para o lugar do grande capitão espanhol, Iker Casillas, que atuou como titular nas últimas nove competições das quais a Espanha participou. A troca de Casillas por de Gea confirma a mudança de gerações na seleção que busca o terceiro título consecutivo de campeã europeia.

Com o resultado, a "Roja", como também é conhecida, divide a liderança do Grupo D com a Croácia, que venceu no domingo (12) a Turquia pelo mesmo placar, 1 a 0. Para garantir presença nas oitvas de final da competição, a seleção espanhola precisa ainda passar pela Turquia, em Nice, no dia 17 de junho, antes de enfrentar a Croácia no próximo dia 21, em Bordeaux. 

Sobre o mesmo assunto
 
O tempo de conexão expirou.