Ouvir Baixar Podcast
  • 15h27 - 15h30 GMT
    Flash de notícias 23/10 15h27 GMT
  • 15h06 - 15h27 GMT
    Programa 23/10 15h06 GMT
  • 15h00 - 15h06 GMT
    Jornal 23/10 15h00 GMT
  • 09h57 - 10h00 GMT
    Flash de notícias 23/10 09h57 GMT
  • 09h36 - 09h57 GMT
    Programa 23/10 09h36 GMT
  • 09h30 - 09h36 GMT
    Jornal 23/10 09h30 GMT
  • 15h27 - 15h30 GMT
    Flash de notícias 22/10 15h27 GMT
  • 15h06 - 15h27 GMT
    Programa 22/10 15h06 GMT
Para poder acessar todos os conteúdos multimídia, você deve instalar o plugin Flash no seu navegador. Para se conectar, você deve ativar os cookies nas configurações do navegador. O site da RFI é compatível com os seguintes navegadores: Internet Explorer 8 e +, Firefox 10 e +, Safari 3 e +, Chrome 17 e +.
Esportes

Platini segue "confiante" apesar de tribunal manter sua suspensão

media Platini recorreu ao TAS depois de ser suspenso pela Fifa. REUTERS/Denis Balibouse

O Tribunal Arbitral do Esporte (TAS) decidiu manter nesta sexta-feira (11) a suspensão de 90 dias a qualquer atividade relacionada ao futebol para o francês Michel Platini, devido ao polêmico pagamento de € 1,8 milhão que recebeu de Joseph Blatter em 2011.

A decisão é um duro golpe para Platini em seu processo na justiça interna da Fifa, que pediu seu banimento do mundo do futebol. Blatter e Platini serão ouvidos na Comissão de Ética da Fifa nos dias 17 e 18 de dezembro, respectivamente. A federação promete emitir o veredicto final até o Natal.

Platini afirma que apesar da decisão do TAS, ele continua "confiante" na possibilidade de provar que não cometeu qualquer irregularidade.

TAS prefere aguardar decisão da Comissão de Ética da Fifa

O secretário-geral do TAS, Matthieu Reeb, explicou a motivação do tribunal: "Já que a Comissão de Ética da Fifa indicou que emitiria sua decisão até o fim do ano, então deixamos a entidade finalizar seu trabalho e esperamos sua decisão sobre a questão", afirmou. Por outro lado, o TAS pediu à Fifa que não prolongue a suspensão provisória de Platini além de 5 de janeiro. A Fifa tem, de fato, a possibilidade de prorrogar por 45 dias a primeira suspensão de três meses, pronunciada em 8 de outubro.

O TAS é o principal organismo jurídico do esporte. Segundo o texto do comunicado, "o TAS entendeu que a manutenção da suspensão provisória em curso não é suscetível de causar um dano irreparável a Michel Platini no momento". "Mesmo que a suspensão fosse imediatamente retirada, uma medida assim não daria nenhuma garantia a Michel Platini de que a comissão ad hoc da Fifa validaria sua candidatura para a eleição presidencial da Fifa antes de 5 de janeiro de 2016", destacou o TAS em seu texto.

Platini não participará de sorteio da Eurocopa

Com a decisão, Platini, presidente da Uefa, não poderá comandar no sábado (12) o sorteio dos grupos para a Eurocopa-2016 em Paris. O francês Bixente Lizarazu e o holandês Ruud Gullit serão os mestres de cerimônia do sorteio.

No dia 8 de outubro, Platini foi suspenso pela justiça interna da Fifa, que está investigando o pagamento de € 1,8 milhão que recebeu em 2011 da parte de Blatter, presidente demissionário da entidade, igualmente suspenso.

Platini, de 60 anos, cuja candidatura à presidência da Fifa está atualmente congelada por sua suspensão, joga o futuro de sua carreira de dirigente. Os juízes da Fifa solicitaram para o ex-jogador francês o banimento para sempre do futebol.

No caso de Blatter, sua ambição é permanecer na presidência da Fifa até o congresso que deve escolher o seu sucessor, programado para 26 de fevereiro.

Sobre o mesmo assunto
 
O tempo de conexão expirou.