Ouvir Baixar Podcast
  • 09h57 - 10h00 GMT
    Flash de notícias 15/11 09h57 GMT
  • 09h36 - 09h57 GMT
    Programa 15/11 09h36 GMT
  • 09h30 - 09h36 GMT
    Jornal 15/11 09h30 GMT
  • 15h27 - 15h30 GMT
    Flash de notícias 14/11 15h27 GMT
  • 15h06 - 15h27 GMT
    Programa 14/11 15h06 GMT
  • 15h00 - 15h06 GMT
    Jornal 14/11 15h00 GMT
  • 09h57 - 10h00 GMT
    Flash de notícias 14/11 09h57 GMT
  • 09h36 - 09h57 GMT
    Programa 14/11 09h36 GMT
Para poder acessar todos os conteúdos multimídia, você deve instalar o plugin Flash no seu navegador. Para se conectar, você deve ativar os cookies nas configurações do navegador. O site da RFI é compatível com os seguintes navegadores: Internet Explorer 8 e +, Firefox 10 e +, Safari 3 e +, Chrome 17 e +.
Esportes

Neymar é o único brasileiro na disputa pelo prêmio Bola de Ouro

media Neymar, um dos candidatos ao prêmio Bola de Ouro da Fifa/France Football. REUTERS/Albert Gea

O atacante Neymar é o único representante do Brasil na lista dos 23 jogadores que concorrem ao prestigioso prêmio Bola de Ouro da Fifa e da revista francesa France Football. Com seis jogadores, o Barcelona, mais uma vez, é o clube com o maior número de jogadores na disputa, entre eles, o argentino Lionel Messi, que desponta como grande favorito.

Com apenas Neymar na lista dos 23 melhores do ano, o Brasil ficou atrás do Chile, com duas indicações - Arturo Vidal e Alexis Sanchez -, e também da Argentina que tem três jogadores na disputa: Lionel Messi, Sergio Agüero e Javier Mascherano.

A lista divulgada nesta terça-feira (20) foi elaborada por um comitê de especialistas da Fifa e por representantes da revista francesa France Football. Mas a partir de agora, capitães e treinadores das seleções nacionais e representantes da imprensa mundial escolhidos pela revista francesa irão definir os três grandes finalistas, que serão anunciados no dia 30 de novembro.

Lionel Messi, que comandou a vitória do Barcelona na Liga dos Campeões da Europa de 2014/2015, e Cristiano Ronaldo, que se tornou o maior artilheiro da história do Real Madrid, estão entre os favoritos. Neymar, no entanto, aumentou suas chances de ficar entre os três finalistas, especialmente depois da bela atuação e dos quatro marcados na goleada de 5 a 2 do Barcelona sobre o Rayo Vallecano, pelo campeonato espanhol.

A Fifa também divulgou os dez treinadores que concorrem ao prêmio da categoria. Entre eles está o argentino Jorge Sampaoli que levou o Chile a ganhar o título inédito da Copa América este ano. Sampaoli é o único treinador de seleções na disputa, o restante é técnico de clubes. Nenhum brasileiro está na disputa pelo título.

A entrega dos prêmios Bola de Ouro da Fifa/France Football acontece no dia 11 de janeiro, em Zurique.

Lista dos 23 jogadores finalistas:

Sergio Agüero (Argentina/Manchester City)
Gareth Bale (País de Gales/Real Madrid)
Karim Benzema (França/Real Madrid)
Cristiano Ronaldo (Portugal/Real Madrid)
Kevin De Bruyne (Bélgica/VfL Wolfsburg/Manchester City)
Eden Hazard (Bélgica/Chelsea)
Zlatan Ibrahimovic (Suécia/Paris Saint-Germain)
Andrés Iniesta (Espanha/Barcelona)
Toni Kroos (Alemanha/Real Madrid)
Robert Lewandowski (Polônia/Bayern de Munique)
Javier Mascherano (Argentina/Barcelona)
Lionel Messi (Argentina/Barcelona)
Thomas Müller (Alemanha/Bayern de Munique)
Manuel Neuer (Alemanha/Bayern de Munique)
Neymar (Brasil/Barcelona)
Paul Pogba (França/Juventus)
Ivan Rakitic (Croácia/Barcelona)
Arjen Robben (Holanda/Bayern de Munique)
James Rodriguez (Colômbia/Real Madrid)
Alexis Sanchez (Chile/Arsenal)
Luis Suarez (Uruguai/Barcelona)
Yaya Touré (Costa do Marfim/Manchester City)
Arturo Vidal (Chile/Juventus/Bayern de Munique)

Lista dos 10 técnicos finalistas ao prêmio de melhor treinador do ano:

Massimiliano Allegri (Itália/Juventus)
Carlo Ancelotti (Itália/Real Madrid)
Laurent Blanc (França/Paris Saint-Germain)
Unai Emery (Espanha/Sevilha)
Pep Guardiola (Espanha/Bayern de Munique)
Luis Enrique (Espanha/Barcelona)
José Mourinho (Portugal/Chelsea)
Jorge Sampaoli (Argentina/seleção do Chile)
Diego Simeone (Argentina/Atlético Madrid)
Arsène Wenger (França/Arsenal).

 

Sobre o mesmo assunto
 
O tempo de conexão expirou.