Ouvir Baixar Podcast
  • 15h27 - 15h30 GMT
    Flash de notícias 17/09 15h27 GMT
  • 15h00 - 15h06 GMT
    Jornal 17/09 15h00 GMT
  • 09h57 - 10h00 GMT
    Flash de notícias 17/09 09h57 GMT
  • 09h36 - 09h57 GMT
    Programa 17/09 09h36 GMT
  • 09h30 - 09h36 GMT
    Jornal 17/09 09h30 GMT
  • 15h27 - 15h30 GMT
    Flash de notícias 16/09 15h27 GMT
  • 15h06 - 15h27 GMT
    Programa 16/09 15h06 GMT
  • 15h00 - 15h06 GMT
    Jornal 16/09 15h00 GMT
Para poder acessar todos os conteúdos multimídia, você deve instalar o plugin Flash no seu navegador. Para se conectar, você deve ativar os cookies nas configurações do navegador. O site da RFI é compatível com os seguintes navegadores: Internet Explorer 8 e +, Firefox 10 e +, Safari 3 e +, Chrome 17 e +.
Esportes

Estado de saúde de Schumacher apresenta “pequenos progressos”, diz porta-voz

media Equipe técnica da Ferrari envia mensagem de apoio a Michael Schumacher. REUTERS/Ferrari Press Office/Handout via Reuters

O estado de saúde do ex-campeão de Fórmula 1 Michael Schumacher, hospitalizado desde dezembro passado após um acidente de esqui nos Alpes franceses, apresentou “pequenos progressos”. A informação foi divulgada neste domingo (13), pela porta-voz da família do piloto alemão, Sabine Kehm.

A declaração foi feita durante uma entrevista no canal da televisão pública alemã ARD, que preparou um programa especial sobre o estado de saúde de Michael Schumacher. “Houve pequenos progressos, que nos fazem muito felizes e que nos encorajam”, disse Sabine Kehm. Segundo a porta-voz da família, o ex-piloto tem apresentado “pequenos momentos de consciência e de despertar o que, em si, é uma boa notícia”. A declaração confirma informações que já haviam sido dadas pela própria representante da família no início de abril.

A porta-voz preferiu não dar mais detalhes sobre a evolução do estado do alemão. Ela diz que não quer falar de “coisas concretas” que “dizem respeito apenas à família”.

Desde que Schumacher foi hospitalizado no dia 29 de dezembro na cidade de Grenoble, nos Alpes franceses, os parentes do piloto têm divulgado poucos detalhes sobre sua recuperação. As principais informações são dadas por Sabine Kehm por meio de comunicados, que geralmente desmentem notícias publicadas na imprensa.

O piloto de 45 anos entrou em coma após um grave acidente de esqui, quando colidiu com uma árvore. Ao ser hospitalizado, o ex-piloto registrava lesões cranianas “graves e difusas”. Desde de 30 de janeiro os médicos vem diminuindo os medicamentos que o induzem ao coma.

Sobre o mesmo assunto
 
O tempo de conexão expirou.