Ouvir Baixar Podcast
  • 15h27 - 15h30 GMT
    Flash de notícias 22/08 15h27 GMT
  • 15h06 - 15h27 GMT
    Programa 22/08 15h06 GMT
  • 15h00 - 15h06 GMT
    Jornal 22/08 15h00 GMT
  • 09h57 - 10h00 GMT
    Flash de notícias 22/08 09h57 GMT
  • 09h36 - 09h57 GMT
    Programa 22/08 09h36 GMT
  • 09h30 - 09h36 GMT
    Jornal 22/08 09h30 GMT
  • 15h27 - 15h30 GMT
    Flash de notícias 21/08 15h27 GMT
  • 15h06 - 15h27 GMT
    Programa 21/08 15h06 GMT
Para poder acessar todos os conteúdos multimídia, você deve instalar o plugin Flash no seu navegador. Para se conectar, você deve ativar os cookies nas configurações do navegador. O site da RFI é compatível com os seguintes navegadores: Internet Explorer 8 e +, Firefox 10 e +, Safari 3 e +, Chrome 17 e +.

Protagonismo indígena do Brasil nas artes plásticas é tema de exposição na França

Protagonismo indígena do Brasil nas artes plásticas é tema de exposição na França
 
A artista plástica brasileira Cláudia Campos. RFI

A exposição Terras Indígenas, em cartaz no espaço Philippe Noiret, em Clayes Sous Bois, na região metropolitana de Paris, é um projeto interativo cujas obras nascem da necessidade da artista plástica Claudia Campos em nos mostrar a fragilidade da natureza e os preconceitos que ameaçam o ecossistema.

"Trabalho com os povos indígenas desde 1993, e aos poucos fui aprofundando a questão. Esse projeto Terras Indígenas existe desde 2005, durante o Ano do Brasil na França", conta Cláudia Campos. "A partir da abertura que notei em relação ao tema, comecei a convidar os artistas para que eles, a partir de um povo sugerido, desenvolvessem uma obra dentro das artes visuais. Esta é a quinta edição do projeto, e desta vez com presença de artistas indígenas", diz.

"Os índios hoje querem o protagonismo, e isso é importante. Se eu tiver um espaço, quero compartilhá-lo. E também uma reflexão mais profunda não apenas sobre a fragilidade dos índios, mas a sua resistência, são mais de 300 povos existentes, eu quero falar das culturas vivas [no Brasil]", diz Cláudia Campos.

Obra presente na exposição Terras Indígenas, em cartaz no espaço Philippe Noiret, em Clayes Sous Bois, na região parisiense. Divulgação

"Trabalho com diferentes suportes encontrados, às vezes naturais, como a terra, que é uma questão que evoco bastante, a água, o que foi represado e o que foi destruído; trago também uma grande pintura desta vez que evoca as crianças indígenas e não-indígenas, todos, com roupas, como numa instalação, mostrando a imposição que foi norma entre indígenas e não indígenas", conta.

A exposição Terras Indígenas fica em cartaz no espaço Philippe Noiret, em Clayes Sous Bois, na região parisiense, até 12 de maio de 2019.


Sobre o mesmo assunto

  • RFI CONVIDA

    Artista brasileira Teresa Poester expõe na Galeria Umcebo em Paris

    Saiba mais

  • RFI CONVIDA

    "Existe um índio dentro de cada brasileiro", diz Ernesto Neto, em cartaz com a escultura monumental GaiaMotherTree na Suíça

    Saiba mais

  • RFI CONVIDA

    Arte “ecológica” de Manfredo de Souzanetto volta a ser exposta na Europa

    Saiba mais

  • Brasil-Mundo

    Artista brasileiro expõe na Itália obras de seu ateliê com portadores de deficiência

    Saiba mais

  1. 1
  2. 2
  3. 3
  4. ...
  5. seguinte >
  6. último >
Programas
 
O tempo de conexão expirou.