Ouvir Baixar Podcast
  • 09h57 - 10h00 GMT
    Flash de notícias 25/05 09h57 GMT
  • 09h36 - 09h57 GMT
    Programa 25/05 09h36 GMT
  • 09h30 - 09h36 GMT
    Jornal 25/05 09h30 GMT
  • 15h27 - 15h30 GMT
    Flash de notícias 24/05 15h27 GMT
  • 15h06 - 15h27 GMT
    Programa 24/05 15h06 GMT
  • 15h00 - 15h06 GMT
    Jornal 24/05 15h00 GMT
  • 09h33 - 09h57 GMT
    Programa 20/05 09h33 GMT
  • 09h30 - 09h33 GMT
    Jornal 20/05 09h30 GMT
Para poder acessar todos os conteúdos multimídia, você deve instalar o plugin Flash no seu navegador. Para se conectar, você deve ativar os cookies nas configurações do navegador. O site da RFI é compatível com os seguintes navegadores: Internet Explorer 8 e +, Firefox 10 e +, Safari 3 e +, Chrome 17 e +.
Cultura

Grupo sueco ABBA anuncia duas canções inéditas

media O grupo sueco ABBA. wikipedia

Grupo de baladas pop e disco que tomou o mundo na virada da década de 1970 para 1980, o ABBA anunciou, 35 anos da separação de seus integrantes, que vai lançar duas novas músicas.

“Achamos que, 35 anos depois, podia ser divertido unir forças de novo e entrar num estúdio de gravação”, anunciou o quarteto nesta sexta-feira (27), através de um comunicado. “Pode ser que tenhamos envelhecido, mas a canção é nova", acrescentou o grupo.  

Um dos dois títulos, "I still have faith in you", será interpretado pela projeção digital dos integrantes durante um show televisionado em dezembro produzido pelos canais britânico BBC e americano NBC. O segundo título não foi revelado e os artistas não planejam uma reunião para cantá-lo em público.

Hits em inglês

O sucesso estrondoso começou em 1974, quando Agnetha Fältskog, Anni-Frid Lyngstad, Björn Ulvaeus e Benny Andersson – as primeiras letras dos prenomes deram o nome ao grupo – venceram o concurso Eurovision de música com “Waterloo”.

O ritmo dançante e de melodia fácil em inglês, acompanhados de vídeos kitsch, sorrisos e roupas coloridas da época marcaram os dez anos seguintes com sucessos como “Dancing Queen”, “Mamma Mia!”, “Fernando” e “Super Trouper”.

A separação foi anunciada em 1982 e eles subiram em um palco pela última vez em 1986. O grupo nunca se dissolveu oficialmente, mas os quatro sempre insistiram que nunca mais se apresentariam juntos.

Sucesso intergeracional

No comunicado, os suecos dizem que a proposta de usar projeções digitais foi bastante estimulante para adotarem a ideia. Sobre o encontro no estúdio, eles declararam: "É como se o tempo tivesse parado e voltássemos de umas férias curtas". "Foi a mesma bela alquimia", afirmou o empresário Görel Hanser, entrevistado pela agência local TT.

Mas a popularidade do ABBA tem extrapolado o clã dos nostálgicos. O musical “Mamma Mia!”, criado em 1999, revisitou as músicas do grupo e fez sucesso internacional. A versão para o cinema com Meryl Streep no papel principal, em 2008, voltou a colocar os sucesso do ABBA no repertório de uma nova geração. Um museu dedicado ao grupo foi inaugurado em 2013, em Estocolmo.

Sobre o mesmo assunto
 
O tempo de conexão expirou.