Ouvir Baixar Podcast
  • 15h27 - 15h30 GMT
    Flash de notícias 22/08 15h27 GMT
  • 15h06 - 15h27 GMT
    Programa 22/08 15h06 GMT
  • 15h00 - 15h06 GMT
    Jornal 22/08 15h00 GMT
  • 09h57 - 10h00 GMT
    Flash de notícias 22/08 09h57 GMT
  • 09h36 - 09h57 GMT
    Programa 22/08 09h36 GMT
  • 09h30 - 09h36 GMT
    Jornal 22/08 09h30 GMT
  • 15h27 - 15h30 GMT
    Flash de notícias 21/08 15h27 GMT
  • 15h06 - 15h27 GMT
    Programa 21/08 15h06 GMT
Para poder acessar todos os conteúdos multimídia, você deve instalar o plugin Flash no seu navegador. Para se conectar, você deve ativar os cookies nas configurações do navegador. O site da RFI é compatível com os seguintes navegadores: Internet Explorer 8 e +, Firefox 10 e +, Safari 3 e +, Chrome 17 e +.
Cultura

Lenda de Hollywood, Zsa Zsa Gabor morre aos 99 anos

media Zsa Zsa Gabor morreu aos 99 anos Reuters

A atriz húngara Zsa Zsa Gabor, conhecida tanto por sua vida amorosa quanto por sua carreira cinematográfica, morreu no domingo (18), após sofrer um ataque cardíaco.

Muito emocionado, seu marido, Frederic von Anhalt, informou que Zsa Zsa morreu em casa, cercada por amigos e pela família. "Todos estavam lá. Ela não morreu sozinha", disse. Os dois se casaram em 1986, na união mais longa da atriz.

A voluptuosa Zsa Zsa encarnou o ideal da loura platinada da indústria do cinema, com uma inclinação por vestidos que ressaltavam suas curvas.

Miss Hungria em 1936, foi tentar a sorte em Hollywood, onde estrelou dezenas de filmes e séries de TV, incluindo "Moulin Rouge", de John Huston, em 1952, e "A Marca da Maldade", de Orson Welles, em 1958.

Problemas com a Justiça

Mas a atriz acabou ficando mais conhecida por seus problemas com a Justiça, escândalos financeiros, estilo extravagante e nove casamentos.

Em 1947, ela teve uma filha, Francesca Hilton, de seu segundo marido, o magnata da hotelaria Conrad Hilton. Em 1989, ganhou as manchetes após agredir uma policial que a havia multado em Beverly Hills e passou três dias na cadeia.

Em 2002, um acidente de automóvel a deixou parcialmente paralisada em uma cadeira de rodas. Três anos depois, em 2005, sofreu um derrame. E, em 2011, foi submetida à amputação de parte da perna direita.

Sobre o mesmo assunto
 
O tempo de conexão expirou.