Ouvir Baixar Podcast
  • 15h27 - 15h30 GMT
    Flash de notícias 11/11 15h27 GMT
  • 15h06 - 15h27 GMT
    Programa 11/11 15h06 GMT
  • 15h00 - 15h06 GMT
    Jornal 11/11 15h00 GMT
  • 09h57 - 10h00 GMT
    Flash de notícias 11/11 09h57 GMT
  • 09h36 - 09h57 GMT
    Programa 11/11 09h36 GMT
  • 09h30 - 09h36 GMT
    Jornal 11/11 09h30 GMT
  • 15h27 - 15h30 GMT
    Flash de notícias 10/11 15h27 GMT
  • 15h06 - 15h27 GMT
    Programa 10/11 15h06 GMT
Para poder acessar todos os conteúdos multimídia, você deve instalar o plugin Flash no seu navegador. Para se conectar, você deve ativar os cookies nas configurações do navegador. O site da RFI é compatível com os seguintes navegadores: Internet Explorer 8 e +, Firefox 10 e +, Safari 3 e +, Chrome 17 e +.
Cultura

Lendário produtor dos Beatles, George Martin morre aos 90 anos

media George Martin morreu aos 90 anos

O lendário produtor musical britânico George Martin, considerado o quinto Beatle por seu papel-chave na carreira musical do grupo, faleceu aos 90 anos, anunciou nesta quarta-feira (9) Ringo Starr, baterista da famosa banda.

"Que Deus abençoe George Martin, paz e amor para Judy e sua família", escreveu Ringo, de 75 anos, em uma mensagem divulgada em sua conta no Twitter. "Vamos sentir falta de George."

Os Beatles começaram a trabalhar com George Martin em junho de 1962, quando o empresário do grupo, Brian Espstein, seu descobridor, assinou um contrato com a gravadora Emi-Parlophone.

George Martin, que produziu quase todos os discos do quarteto de Liverpool, teve um papel decisivo na integração de Ringo ao grupo, substituindo o baterista Pete Best.

Homenagens de famosos

Logo depois do anúncio da morte de Martin, as mensagens de pêsames começaram a chegar. "As lendas estão voltando para casa", escreveu Lenny Kravitz em referência a Martin, um "produtor visionário". "Sir George Martin era um gigante da música - junto aos Fab Four criou a música pop mais duradoura do mundo", escreveu no Twitter o primeiro-ministro britânico, David Cameron.

"Descanse em paz, George Martin. Estou tão chateado que não tenho palavras", escreveu Sean Lennon, sob uma foto de George Martin no Instagram. "Penso em Judy e Gile. Meu amor para sempre", acrescentou.

George Martin nasceu em 1926 no norte de Londres. Filho de carpinteiro, Martin estudou na prestigiada escola de música de Ghildhall e tocava oboé nos clubes noturnos. Depois trabalhou na BBC até 1955, quando aos 29 anos foi nomeado diretor da Parlophone.

Ele contava que sentiu o enorme potencial dos Beatles desde o primeiro contato, em 1962."Gostei de seu aspecto único e estava convencido de que tínhamos um grupo de sucesso", declarou em uma entrevista à revista Melody Maker.

Trabalho beneficiente

O primeiro single da banda, "Love Me Do", que ocupou a quarta posição da lista de sucessos em outubro de 1962, "era bastante ruim, mas era o melhor que podíamos oferecer", disse.

A canção foi seguida por "Please Please Me", que alcançou a segunda posição, e por "From Me To You", em abril de 1963, que ocupou o primeiro lugar nas listas de sucesso.

Depois que a banda se separou, George Martin criou a Air Studios na ilha caribenha de Montserrat, que precisou fechar em 1989 devido aos danos sofridos pelo furacão Hugo. Posteriormente trabalhou com outros artistas, como Bob Dylan, Sting e Elton John.

Ele também gravou dois discos do ex-Beatle Paul McCartney, "Tug of War" e "Pipes of Peace" e trabalhou com organizações beneficentes de música até sua morte.

Martin teve dois filhos, Alexis e Gregory, com sua primeira esposa, Sheena Chisolm, e outros dois filhos, Lucie e Giles, com sua segunda esposa, Judy Lockhart-Smith.

Sobre o mesmo assunto
 
O tempo de conexão expirou.