Ouvir Baixar Podcast
  • 15h27 - 15h30 GMT
    Flash de notícias 14/10 15h27 GMT
  • 15h06 - 15h27 GMT
    Programa 14/10 15h06 GMT
  • 15h00 - 15h06 GMT
    Jornal 14/10 15h00 GMT
  • 09h57 - 10h00 GMT
    Flash de notícias 14/10 09h57 GMT
  • 09h36 - 09h57 GMT
    Programa 14/10 09h36 GMT
  • 09h30 - 09h36 GMT
    Jornal 14/10 09h30 GMT
  • 15h27 - 15h30 GMT
    Flash de notícias 13/10 15h27 GMT
  • 15h06 - 15h27 GMT
    Programa 13/10 15h06 GMT
Para poder acessar todos os conteúdos multimídia, você deve instalar o plugin Flash no seu navegador. Para se conectar, você deve ativar os cookies nas configurações do navegador. O site da RFI é compatível com os seguintes navegadores: Internet Explorer 8 e +, Firefox 10 e +, Safari 3 e +, Chrome 17 e +.

Memórias parisienses pelo olhar de uma fotógrafa brasileira

Memórias parisienses pelo olhar de uma fotógrafa brasileira
 
Foto de Luiza Baldan, na galeria MDM, de Paris. Luiza Baldan / Divulgação

A galeria parisiense MDM, da brasileira Maria do Mar Guinle, apresenta o trabalho "Build up", da fotógrafa carioca Luiza Baldan. O projeto foi resultado de uma residência na capital francesa, inspirada em experiências anteriores da artista. No ano passado, a fotógrafa carioca se instalou em um apartamento no mítico prédio Copan, de Oscar Niemeyer, no centro de São Paulo. Antes, ela ficou um mês vivendo em um outro marco da arquitetura brasileira, o complexo habitacional Pedregulho, no Rio de Janeiro, de Affonso Eduardo Reidy.

 

“Comecei esse tipo de projeto em 2009 – eu me desloco, vou morar no local por um determinado período e a partir daí, produzo uma série nova de trabalho”, explica a fotógrafa. Essas temporadas são traduzidas em imagens e impressões. Desta vez, a base foi em Paris, num apartamento do bairro do Marais. “O Build up do título tem a ver com a construção da narrativa, das histórias, é como uma trilha sonora que indica o suspense nos filmes”, conta Luiza.

A encomenda veio por parte da curadora Albertine de Galbert, proprietária do apartamento, vazio, prestes a ser entregue a um novo dono. “O convite para a curadoria do projeto já tinha algum tempo, mas demorei a encontrar o bom momento, o artista certo, até me deparar com o trabalho de Luiza no Copan de São Paulo”, ela conta. “A descoberta coincidiu com o processo de venda do apartamento, com muitas lembranças, e achei que o trabalho de Luiza, centrado na vida dos locais, na captura da alma de prédios, poderia ser interessante”, diz Albertine.

Luiza Baldan, 34 anos, mora no Rio de Janeiro, mas seu trabalho é pontuado por viagens. Ela já expôs no Instituto Moreira Salles, no Museu de Arte Contemporânea e no Museu de Arte Moderna, no Rio de Janeiro. Luiza participou recentemente da coletiva Cruzamentos: Contemporary Art in Brazil, nos Estados Unidos.

A galeria MDM, de Paris, é especializada em arte contemporânea brasileira. A exposição “Build Up” fica em cartaz até o dia 26 de abril.


Sobre o mesmo assunto

  • Fato em Foco

    Instituto Moreira Salles traz imagens brasileiras ao Paris Photo

    Saiba mais

  • Reportagem

    Mostra Genesis, de Sebastião Salgado, é inaugurada em Paris

    Saiba mais

  • Cultura

    Sertão e albinos do Brasil estão em mostra do Photoquai 2013, em Paris

    Saiba mais

  • Cultura

    Fotos de Alécio de Andrade retratam bairro judeu de Paris nos anos 70

    Saiba mais

  1. 1
  2. 2
  3. 3
  4. ...
  5. seguinte >
  6. último >
Programas
 
O tempo de conexão expirou.