Ouvir Baixar Podcast
  • 15h27 - 15h30 GMT
    Flash de notícias 18/06 15h27 GMT
  • 15h06 - 15h27 GMT
    Programa 18/06 15h06 GMT
  • 15h00 - 15h06 GMT
    Jornal 18/06 15h00 GMT
  • 09h57 - 10h00 GMT
    Flash de notícias 18/06 09h57 GMT
  • 09h36 - 09h57 GMT
    Programa 18/06 09h36 GMT
  • 09h30 - 09h36 GMT
    Jornal 18/06 09h30 GMT
  • 15h27 - 15h30 GMT
    Flash de notícias 17/06 15h27 GMT
  • 15h06 - 15h27 GMT
    Programa 17/06 15h06 GMT
Para poder acessar todos os conteúdos multimídia, você deve instalar o plugin Flash no seu navegador. Para se conectar, você deve ativar os cookies nas configurações do navegador. O site da RFI é compatível com os seguintes navegadores: Internet Explorer 8 e +, Firefox 10 e +, Safari 3 e +, Chrome 17 e +.
Ciências

França começa tratamentos com Truvada e lança campanha de testes HIV

media Ativistas preparam ações para Dia mundial de luta contra a Aids REUTERS/Jayanta Dey

Esse 1° de dezembro, Dia mundial de luta contra a Aids, é marcado na França por uma grande campanha nacional de testes HIV. Alguns hospitais franceses também começaram a prescrever o uso do Truvada. O país é o primeiro europeu a disponibilizar o novo tratamento preventivo contra a doença.

O Centro Hospitalar Universitário (CHU) de Nice, no sul da França, vai abrir esta semana um novo posto de prescrição do Truvada, molécula preventiva contra a Aids destinada aos soronegativos mais expostos ao risco de contaminação com o vírus HIV. Um centro similar também foi aberto no hospital Saint-Louis, em Paris.

De acordo com o médico Eric Cua, do CHU de Nice, devem beneficiar do tratamento os homens homossexuais que praticam sexo sem preservativo e, em seguida, “todas as populações particularmente expostas, como as mulheres vindas da África, que estão entre as primeiras vítimas do vírus no mundo”. A região de Nice é a segunda mais atingida pela doença na França, após a capital e suas redondezas.

O Truvada é uma combinação de diferentes antirretrovirais colocado no mercado em 2005, mas por enquanto apenas os Estados Unidos autorizavam sua utilização como tratamento preventivo, após a divulgação de alguns estudos que comprovaram sua eficácia. A França se torna assim o primeiro país europeu a disponibilizar a molécula. No entanto, ao contrário do que acontece no território norte-americano, onde o acesso ao tratamento representa um custo elevado para os usuários (€ 500 euros caixa de 30 comprimidos), o Truvada na França deverá ser totalmente reembolsado pelo serviço público já no início de 2016.

30 mil pessoas não sabem que vivem com o vírus HIV na França

Aproveitando a tradicional jornada mundial de luta contra a Aids, a França também lança uma grande campanha de distribuição de testes autodiagnostico no país. Realizada pelo Instituto nacional de prevenção e educação para a saúde (INPES, na sigla em francês), a iniciativa foi batizada “Fazer o teste é cuidar de seu futuro” e se destina à todos. Segundo as últimas estatísticas, 150 mil pessoas vivem com o vírus da Aids na França, entre elas 30 mil que não sabem que foram contaminadas.

No entanto, o Ministério da Saúde, parceiro da campanha, lembra que “o preservativo ainda é o melhor meio de prevenção contra o HIV e as infecções sexualmente transmissíveis”. Segundo a ministra francesa da Saúde, Marisol Touraine, “a Aids não é uma doença do passado. Diante do risco de banalização, todos devem continuar vigilantes e mobilizados”.

Sobre o mesmo assunto
 
O tempo de conexão expirou.