Ouvir Baixar Podcast
  • 15h27 - 15h30 GMT
    Flash de notícias 23/09 15h27 GMT
  • 15h06 - 15h27 GMT
    Programa 23/09 15h06 GMT
  • 15h00 - 15h06 GMT
    Jornal 23/09 15h00 GMT
  • 09h57 - 10h00 GMT
    Flash de notícias 23/09 09h57 GMT
  • 09h33 - 09h57 GMT
    Programa 23/09 09h33 GMT
  • 09h30 - 09h33 GMT
    Jornal 23/09 09h30 GMT
  • 09h36 - 09h57 GMT
    Programa 22/09 09h36 GMT
  • 09h30 - 09h36 GMT
    Jornal 22/09 09h30 GMT
Para poder acessar todos os conteúdos multimídia, você deve instalar o plugin Flash no seu navegador. Para se conectar, você deve ativar os cookies nas configurações do navegador. O site da RFI é compatível com os seguintes navegadores: Internet Explorer 8 e +, Firefox 10 e +, Safari 3 e +, Chrome 17 e +.
Brasil

Prisão de Joesley pode ser boa notícia para Temer, diz imprensa internacional

media Joesley Batista se entregou para a Justiça neste fim de semana. REUTERS/Adriano Machado

A prisão preventiva do empresário Joesley Batista, um dos donos da multinacional JBS, que acusou o presidente Michel Temer de corrupção, repercutiu na imprensa internacional nesta segunda-feira (11). Vários jornais deram destaque para o assunto, apontado por alguns veículos como uma boa notícia para o chefe de Estado.

O jornal francês Le Figaro relata que o Supremo Tribunal Federal ordenou no domingo (10) “a prisão do magnata do setor agroalimentar Joesley Batista, ligado ao escândalo de corrupção que atinge o presidente Michel Temer”. O diário explica que o empresário, que "se entregou à Justiça, é acusado de ter dissimulado informações". A informação também foi relatada pelo jornal português Observador, o argentino El Clarín e o espanhol ABC.

O site em francês da RFI também deu destaque para a notícia. Além de relatar o contexto da prisão, a emissora avalia que a detenção de Batista seria “uma nova vitória para Michel Temer, que já conseguiu salvar seu mandato em agosto passado graças ao Congresso, que impediu a abertura de um processo contra ele”. Os advogados do presidente cogitam processar o empresário por calúnia, relata a reportagem, lembrando que Batista chegou a qualificar Temer de “ladrão geral da República”.

O jornal britânico Financial Times disse que a prisão temporária de Batista representa “uma reviravolta drástica para um dos irmãos envolvidos no enorme escândalo de corrupção”. O diário econômico também considera que a detenção do empresário “pode ser uma boa notícia para Temer, pois enfraquece politicamente o Ministério Público, que acusou o presidente de corrupção”.

Porém, comenta o Financial Times, a prisão também pode preocupar outros políticos. Afinal, “agora os irmãos Batista teriam que entregar qualquer outra informação que tenham”, conclui o texto.

Sobre o mesmo assunto
 
O tempo de conexão expirou.