Ouvir Baixar Podcast
  • 09h30 - 09h33 GMT
    Jornal 22/07 09h30 GMT
  • 09h30 - 09h36 GMT
    Jornal 21/07 09h30 GMT
  • 09h33 - 09h57 GMT
    Programa 22/07 09h33 GMT
  • 09h36 - 09h57 GMT
    Programa 21/07 09h36 GMT
  • 09h57 - 10h00 GMT
    Flash de notícias 22/07 09h57 GMT
  • 15h00 - 15h06 GMT
    Jornal 21/07 15h00 GMT
  • 15h06 - 15h27 GMT
    Programa 21/07 15h06 GMT
  • 15h27 - 15h30 GMT
    Flash de notícias 21/07 15h27 GMT
Para poder acessar todos os conteúdos multimídia, você deve instalar o plugin Flash no seu navegador. Para se conectar, você deve ativar os cookies nas configurações do navegador. O site da RFI é compatível com os seguintes navegadores: Internet Explorer 8 e +, Firefox 10 e +, Safari 3 e +, Chrome 17 e +.

Escritora luso-brasileira lança primeiro romance no Brasil na Flip

Por
Escritora luso-brasileira lança primeiro romance no Brasil na Flip
 
A escritora luso-brasileira Andréa Zamorano. Luciana Quaresma

A escritora luso-brasileira Andréa Zamorano, que há 25 anos trocou o Rio de Janeiro por Portugal, lança seu primeiro romance no Brasil. “A casa das Rosas” é o resultado de anos de dedicação à literatura. O livro foi lançado em Portugal, antes de chegar ao Brasil, e recebeu ótimas críticas e prêmios, como o Livro do Ano de 2015. Andréa é presença confirmada na Festa Literária Internacional de Paraty, a FLIP, que este ano acontece de 26 a 30 de julho.

Luciana Quaresma, correspondente da RFI em Lisboa

A escritora luso-brasileira recebeu a reportagem da RFI, em Lisboa, antes de embarcar para o Brasil. Ela justificou o fato do livro ter chegado às livrarias portuguesas antes das brasileiras: “ Eu já estou há tanto tempo em Lisboa, aliás eu já estou há mais tempo em Lisboa do que no Rio de Janeiro. Isso fez com que eu tivesse a minha vida estruturada aqui, desenvolvesse a minha escrita aqui. É natural, pois essa é a minha cidade, onde eu vivo, onde eu resido, que o romance fosse primeiramente lançado aqui para depois ser lançado no Brasil.”

“A Casa das Rosas” terá um primeiro lançamento brasileiro na Flip, no dia 27 de Julho, na Casa Amado Saramago, que é uma iniciativa pioneira da Fundação José Saramago e da Casa Jorge Amado. “Essa será uma casa de alegria e felicidade e eu estou muito honrada pelo convite, por poder estar presente”, festeja Andréa Zamorano. O lançamento vai contar com a presença do escritor angolano José Eduardo Agualusa. Depois, outras noites de autógrafos estão previstas em Petrópolis, Londrina e São Paulo.

Ditadura militar como pano de fundo

A "A casa das Rosas", romance de estreia de Andréa Zamorano, será lançado no Brasil durante a Flip de Paraty. DR

 

O romance “A casa das Rosas” tem como pano de fundo a época histórica do fim da ditadura militar no Brasil e fala sobre a busca pela liberdade. A escritora diz que se inspirou em elementos reais, como uma mansão da Avenida Paulista, e ficcionais para construir sua história:

“A Eulália é uma jovem que vive numa casa, que é uma espécie de casa redoma na Av. Paulista, em São Paulo. É uma casa real, que existe que é a própria Casa da Rosa, que atualmente é o Centro Cultural Haroldo de Campos. Ela vive confinada nesta casa com o pai que é um déspota, um homem autoritário, um homem do regime. A história se situa no período do fim da ditadura militar no Brasil e ele é um homem que compactua com o sistema. Ela vive nesta casa oprimida por esse pai repressor até um dia em que ela está na porta da faculdade, cai um temporal e ela conhece uma personagem que fui roubar do grande Roberto Bolaño, que se chama Juan Garcia Madero e tudo muda!”, descreve.

Apaixonada pelo poeta brasileiro Manuel Bandeira e pelo escritor português Eça de Queiroz, Andréa conjuga a vida literária com a de empresária. Proprietária de vários restaurantes em Lisboa, entre os quais a famosa Hamburgueria Gourmet-Café do Rio, ela também usa a sua criatividade híbrida para desenvolver receitas originais onde a literatura também está presente: um dos hambúrgueres foi inspirado em um poeta açoriano.

“Nós temos um hambúrguer que se chama Nemésio, em homenagem à Vitorino Nemésio que é o hambúrguer mais tropical que nos temos, pois é feito com queijo da Ilha de São Jorge, nos Açores, ananás e bacon que é a parte erótica da tropicalidade, o bacon sedutor”, brinca.

Segundo romance

Andréa já está terminando seu segundo romance que ainda não tem data para ser lançado, mas a escritora já adianta que, desta vez, a história se passa em Portugal.

“Já estou acabando de escrever o próximo romance, ficou um pouco atrasado por causa do tempo que vou passar no Brasil, mas eu espero concluí-lo no próximo ano. Já posso adiantar que ele se passa em Lisboa!” afirma.


Sobre o mesmo assunto

  • Brasil-Mundo

    Festival de cinema do Brics abre novo mercado de co-produções para brasileiros

    Saiba mais

  • Brasil-Mundo

    "Você não ensina só a língua, você ensina a cultura", diz editora brasileira em Israel

    Saiba mais

  • Brasil-Mundo

    Brasileiros abrem galeria de arte inovadora em Lisboa

    Saiba mais

  • Brasil-Mundo

    Disco de brasileiro faz elo entre Brasil, Macau e Portugal

    Saiba mais

  1. 1
  2. 2
  3. 3
  4. ...
  5. seguinte >
  6. último >
Programas
 
O tempo de conexão expirou.