Ouvir Baixar Podcast
  • 15h27 - 15h30 GMT
    Flash de notícias 19/08 15h27 GMT
  • 15h06 - 15h27 GMT
    Programa 19/08 15h06 GMT
  • 15h00 - 15h06 GMT
    Jornal 19/08 15h00 GMT
  • 09h57 - 10h00 GMT
    Flash de notícias 19/08 09h57 GMT
  • 09h36 - 09h57 GMT
    Programa 19/08 09h36 GMT
  • 09h30 - 09h36 GMT
    Jornal 19/08 09h30 GMT
  • 15h27 - 15h30 GMT
    Flash de notícias 18/08 15h27 GMT
  • 15h06 - 15h27 GMT
    Programa 18/08 15h06 GMT
Para poder acessar todos os conteúdos multimídia, você deve instalar o plugin Flash no seu navegador. Para se conectar, você deve ativar os cookies nas configurações do navegador. O site da RFI é compatível com os seguintes navegadores: Internet Explorer 8 e +, Firefox 10 e +, Safari 3 e +, Chrome 17 e +.
Brasil

Operação Piratas do Caribe, da PF, busca quadrilha de coiotes no Brasil

media Polícia Federal realiza operação Piratas do Caribe Agência Brasil

A Polícia Federal realiza nesta sexta-feira (13), em três estados do Brasil, a Operação Piratas do Caribe, que tem como objetivo desarticular uma quadrilha de coiotes responsável por levar brasileiros ilegalmente para os Estados Unidos. As informações são do jornal O Globo.

Participam da operação cerca de 30 policiais federais, em Rondônia, Santa Catarina e Minas Gerais. Foram expedidos sete mandados de busca e apreensão e cinco de prisão preventiva.

A PF também busca informações sobre o desaparecimento de 12 brasileiros na região das Bahamas, em novembro. Segundo as investigações, a quadrilha cobrava até R$ 60 mil para intermediar o transporte ilegal para os EUA através do país caribenho.

O modo de operação é sempre o mesmo. Os imigrantes ficam em alguma cidade com aeroporto internacional de fácil acesso, aguardando a ordem de embarque para as Bahamas. No país caribenho, um agente de imigração facilita a entrada dos brasileiros, que, então, viajam de barco até os EUA. As Bahamas ficam a 290 km da costa americana e não exigem visto para brasileiros.

Segundo a PF, os coiotes escondiam os perigos envolvidos na travessia, como a passagem pela região do Triângulo das Bermudas, famosa pelo alto índice de tempestades, naufrágios e desaparecimento de embarcações e aeronaves.

Brasileiros podem estar escondidos

Sobre os brasileiros que desapareceram em novembro, o Ministério das Relações Exteriores disse que ainda não há informações sobre o que aconteceu nem sobre a suposta embarcação que os levaria aos EUA.

As autoridades dos três países envolvidos investigam as hipóteses de naufrágio ou de que os migrantes estejam escondidos nas Bahamas, aguardando o melhor momento para se deslocar.

Além disso, o Itamaraty informou que 14 brasileiros foram detidos em Pompano Beach, na Flórida, por ter tentado chegar aos EUA a partir das Bahamas.

Sobre o mesmo assunto
 
O tempo de conexão expirou.