Ouvir Baixar Podcast
  • 08h57 - 09h00 GMT
    Flash de notícias 20/01 08h57 GMT
  • 08h33 - 08h57 GMT
    Programa 20/01 08h33 GMT
  • 08h30 - 08h33 GMT
    Jornal 20/01 08h30 GMT
  • 14h27 - 14h30 GMT
    Flash de notícias 19/01 14h27 GMT
  • 14h06 - 14h27 GMT
    Programa 19/01 14h06 GMT
  • 14h00 - 14h06 GMT
    Jornal 19/01 14h00 GMT
  • 08h36 - 08h57 GMT
    Programa 18/01 08h36 GMT
  • 08h30 - 08h36 GMT
    Jornal 18/01 08h30 GMT
Para poder acessar todos os conteúdos multimídia, você deve instalar o plugin Flash no seu navegador. Para se conectar, você deve ativar os cookies nas configurações do navegador. O site da RFI é compatível com os seguintes navegadores: Internet Explorer 8 e +, Firefox 10 e +, Safari 3 e +, Chrome 17 e +.
Brasil

Passageiros de voo Rio-Paris atingido por granizo já chegaram à França

media Captura vídeo do Boeing AF443 da Air France que teve para-brisa e parte da asa danificados durante uma chuva de granizo

Mais um incidente envolvendo um voo Paris Rio. Um avião da companhia Air France que decolou na noite de terça-feira do Galeão teve que dar meia-volta depois de atravessar uma chuva de granizo. Ninguém ficou ferido, mas o medo dominou os passageiros que foram transferidos para outros voos e já chegaram à França.

O voo AF443 tinha acabado de decolar do aeroporto do Galeão quando enfrentou uma forte chuva de granizo provocada pela alta temperatura registrada no Rio na terça-feira, 12.

"Nós tivemos a impressão que o avião estava sendo metralhado pelas pedras". Havia também muita turbulência. Nunca tinha tido tanto medo na vida", contou ainda assustado à agência francesa AFP o passageiro Benjamin Cano, já em segurança na França.

O avião teve o pára-brisa e parte da asa danificados e voltou ao Rio de Janeiro, aterrissando duas horas depois da decolagem. O voo foi cancelado e os passageiros transferidos para voos posteriores. Ninguém ficou ferido, mas os passageiros ficaram impressionados com os estragos quando desceram do avião.

"A tripulação foi profissional, tranquilizou todo mundo, mas me pergunto por que o avião decolou em tais condições meteorológicas"? indagou Benjamin Cano, que é francês e dono de um hotel no Rio. Como os outros passageiros, ele já chegou a França, apesar de garantir que hesitou muito em pegar um outro avião.

Esse não é o primeiro incidente envolvendo um voo Paris-Rio, que lembra o trauma do acidente com o AF 447, que caiu no oceano atlântico em 31 de maio de 2009, matando 228 pessoas.

Sobre o mesmo assunto
 
O tempo de conexão expirou.