Ouvir Baixar Podcast
  • 15h27 - 15h30 GMT
    Flash de notícias 21/05 15h27 GMT
  • 15h06 - 15h27 GMT
    Programa 21/05 15h06 GMT
  • 15h00 - 15h06 GMT
    Jornal 21/05 15h00 GMT
  • 09h57 - 10h00 GMT
    Flash de notícias 21/05 09h57 GMT
  • 09h36 - 09h57 GMT
    Programa 21/05 09h36 GMT
  • 09h30 - 09h36 GMT
    Jornal 21/05 09h30 GMT
  • 15h27 - 15h30 GMT
    Flash de notícias 20/05 15h27 GMT
  • 15h06 - 15h27 GMT
    Programa 20/05 15h06 GMT
Para poder acessar todos os conteúdos multimídia, você deve instalar o plugin Flash no seu navegador. Para se conectar, você deve ativar os cookies nas configurações do navegador. O site da RFI é compatível com os seguintes navegadores: Internet Explorer 8 e +, Firefox 10 e +, Safari 3 e +, Chrome 17 e +.
Américas

Trump anuncia que voos de Boeings 737 MAX 8 e MAX 9 estão suspensos nos Estados Unidos

media Presidente americano Donald Trump ordena que Boeing 737 Max 8 e Max 9 não deixem o solo. (Foto de arquivo) REUTERS/Shannon Stapleton/File Photo

O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, anunciou nesta quarta-feira (13) que todos os Boeings 737 MAX 8 e MAX 9 ficarão no solo no país. A decisão foi tomada depois que um avião desse modelo, operado pela Ethiopian Airlines, caiu no último domingo (10), matando 157 pessoas.

"Vamos banir com urgência todos os vôos em 737 MAX 8 e 737 MAX 9", disse Trump da Casa Branca, acrescentando que a decisão terá "efeito imediato". Ele disse que os pilotos e as companhias aéreas já foram informados e destacou que "a segurança dos americanos e de todos os passageiros é nossa maior prioridade".

O acidente da Ethiopian Airlines, que matou 157 pessoas de 35 nacionalidades, é o segundo em menos de seis meses com aviões Boeing 737 MAX 8. Em circunstâncias semelhantes, um avião da companhia aérea da Indonésia Lion Air caiu no final de outubro matando 189 pessoas.

As ações da Boeing que estavam com 1,7% de alta mais cedo, voltaram a cair após o anúncio e registravam baixa de 2% às 15h no horário de Brasília. Depois do novo acidente as ações da empresa já acumulam queda de 14%.

Sobre o mesmo assunto
 
O tempo de conexão expirou.