Ouvir Baixar Podcast
  • 14h27 - 14h30 GMT
    Flash de notícias 19/11 14h27 GMT
  • 14h06 - 14h27 GMT
    Programa 19/11 14h06 GMT
  • 14h00 - 14h06 GMT
    Jornal 19/11 14h00 GMT
  • 08h57 - 09h00 GMT
    Flash de notícias 18/11 08h57 GMT
  • 08h33 - 08h57 GMT
    Programa 18/11 08h33 GMT
  • 08h30 - 08h33 GMT
    Jornal 18/11 08h30 GMT
  • 08h36 - 08h57 GMT
    Programa 16/11 08h36 GMT
  • 08h30 - 08h36 GMT
    Jornal 16/11 08h30 GMT
Para poder acessar todos os conteúdos multimídia, você deve instalar o plugin Flash no seu navegador. Para se conectar, você deve ativar os cookies nas configurações do navegador. O site da RFI é compatível com os seguintes navegadores: Internet Explorer 8 e +, Firefox 10 e +, Safari 3 e +, Chrome 17 e +.
Américas

Altas temperaturas provocam a morte de pelo menos 33 pessoas no Quebec

media A cidade de Montreal sofre com a onda de calor há quase uma semana wikimedia/cc by Pierre Bona

A onda de calor que atinge há uma semana o leste do Canadá já fez 33 mortos no Quebec, anunciaram nesta quinta-feira (5) as autoridades locais. Dezoito casos foram registrados somente em Montreal.

Segundo Mylène Drouin, diretora regional de saúde pública de Montreal, as vítimas da região são, em sua maioria, homens de 53 a 85 anos, em situação de vulnerabilidade física e sem ar-condicionado.

As vítimas restantes foram encontradas em outras partes da província francófona. Os serviços de meteorologia canadenses preveem uma temperatura máxima de 35 C°. A sensação térmica pode chegar a 45 C°. 

Cem pessoas morreram de calor em 2010

A onda de calor deve, entretanto, acabar ainda nesta noite de quinta-feira, com uma queda na temperatura que deve ficar entre 23 e 25 C° nos próximos dias.

“Estou com todo meu coração com os familiares das vítimas da onda de calor no Quebec”, tuitou o primeiro-ministro canadense Justin Trudeau. Em 2010, as altas temperaturas mataram uma centena de pessoas na região de Montreal.

Sobre o mesmo assunto
 
O tempo de conexão expirou.