Ouvir Baixar Podcast
  • 15h27 - 15h30 GMT
    Flash de notícias 23/07 15h27 GMT
  • 15h06 - 15h27 GMT
    Programa 23/07 15h06 GMT
  • 15h00 - 15h06 GMT
    Jornal 23/07 15h00 GMT
  • 09h36 - 09h57 GMT
    Programa 23/07 09h36 GMT
  • 09h30 - 09h36 GMT
    Jornal 23/07 09h30 GMT
  • 15h27 - 15h30 GMT
    Flash de notícias 22/07 15h27 GMT
  • 15h06 - 15h27 GMT
    Programa 22/07 15h06 GMT
  • 15h00 - 15h06 GMT
    Jornal 22/07 15h00 GMT
Para poder acessar todos os conteúdos multimídia, você deve instalar o plugin Flash no seu navegador. Para se conectar, você deve ativar os cookies nas configurações do navegador. O site da RFI é compatível com os seguintes navegadores: Internet Explorer 8 e +, Firefox 10 e +, Safari 3 e +, Chrome 17 e +.
Américas

Furacão Irma alcança categoria máxima e se aproxima do Caribe

media O furacão Irma aumentou sua intensidade para categoria 5 NASA/NOAA /Goddard Rapid Response Team/Handout via REUTERS

Irma se converteu em um furacão extremamente perigoso, de categoria 5, a máxima na escala, e se aproxima do Caribe, informou nesta terça-feira (5) o Centro Nacional de Furacões (NHC) dos Estados Unidos.

Os preparativos para a chegada do furacão devem ser acelerados e completados rapidamente na zona de alerta.

Durante a manhã, Irma se encontrava 440 km a leste de Antígua, com ventos máximos estáveis de 280 km/h.

O NHC colocou sob advertência as ilhas antilhanas de Antígua, Barbuda, Anguilla, Montserrat, São Cristóvão e Nevis, entre outras. Além disso estão sob vigilância Porto Rico, as Ilhas Virgens e Guadalupe.

Espera-se que Irma passe sobre esse grupo de ilhas entre a noite de terça-feira e a manhã de quarta-feira (6), quando alcançará também Porto Rico.

Furacão iminente

A advertência indica que o furacão é iminente nas próximas 36 horas, enquanto a vigilância assinala que a sua chegada acontecerá em 48 horas.

Segundo a trajetória projetada pelo NHC, o olho de Irma pode passar na quinta e na sexta-feira ao norte da República Dominicana, Haiti e Cuba e depois seguir diretamente às Bahamas e ao sul da Flórida no fim de semana.

O NHC acrescentou que o fenômeno provocará um aumento de até 3 metros no nível normal do mar e chuvas de até 25 cm, além de ondas "grandes e destrutivas".

Sobre o mesmo assunto
 
O tempo de conexão expirou.