Ouvir Baixar Podcast
  • 09h57 - 10h00 GMT
    Flash de notícias 20/04 09h57 GMT
  • 09h33 - 09h57 GMT
    Programa 20/04 09h33 GMT
  • 09h30 - 09h33 GMT
    Jornal 20/04 09h30 GMT
  • 15h27 - 15h30 GMT
    Flash de notícias 19/04 15h27 GMT
  • 15h06 - 15h27 GMT
    Programa 19/04 15h06 GMT
  • 15h00 - 15h06 GMT
    Jornal 19/04 15h00 GMT
  • 09h57 - 10h00 GMT
    Flash de notícias 19/04 09h57 GMT
  • 09h36 - 09h57 GMT
    Programa 19/04 09h36 GMT
Para poder acessar todos os conteúdos multimídia, você deve instalar o plugin Flash no seu navegador. Para se conectar, você deve ativar os cookies nas configurações do navegador. O site da RFI é compatível com os seguintes navegadores: Internet Explorer 8 e +, Firefox 10 e +, Safari 3 e +, Chrome 17 e +.
Américas

Jovem somali é morto pela polícia após ataque nos EUA

media Polícia cerca perímetro na Universidade de Ohio, nos Estados Unidos, em 28 de novembro de 2016. Kirk Irwin/Getty Images/AFP

Nove pessoas ficaram feridas na Universidade Estadual de Ohio quando Abdul Razak Ali Artan,
um jovem de cerca de 18 anos, de origem somali, jogou seu carro na direção de um grupo de pessoas que caminhava, atacando-os com uma faca de açougueiro, antes de ser morto pela polícia. 

Nove pessoas foram levadas a hospitais, uma delas em estado grave. "Às 9H52 locais (13H52 de Brasília), um suspeito do sexo masculino jogou um veículo sobre a calçada, atropelando pedestres", disse o chefe da polícia na universidade, Craig Stone, durante coletiva de imprensa. Ele foi identificado como Abdul Razak Ali Artan, um estudante da Universidade de Ohio. Os motivos do ataque ainda são desconhecidos.

Stone explicou que o agressor "saiu do veículo e usou uma faca de açougueiro para atacá-los". Um policial esteve "no local e acabou com a situação em menos de um minuto. Dominou o suspeito e eliminou a ameaça", explicou. Ao ser perguntado se o incidente foi um ataque terrorista, o chefe da polícia de Columbus, Kim Jacobs, assinalou que os investigadores “consideram essa possibilidade”.

Fontes policiais citadas pelo canal de TV NBC indicam que o atacante era um refugiado somali de 18 anos, com residência legal e permanente nos Estados Unidos e estudante da Universidade Estadual de Ohio. O incidente foi inicialmente reportado como um tiroteio, mas logo depois as autoridades indicaram que se tratava de um indivíduo que atropelou e atacou com uma faca algumas pessoas na universidade.

"O local está seguro agora. Todas as aulas foram canceladas no campus de Columbus pelo resto do dia", disse o serviço de emergência da universidade em sua conta do Twitter, dando a situação como terminada. Nicole Kreinbrink, estudante da Universidade de Ohio, contou que caminhava por uma rua do campus quando um carro atropelou um grupo de pessoas. “O veículo também atropelou um policial. Foi quando corri, porque vi o policial, ele estava muito mal, e quis ajudá-lo. Todo mundo corria, gritava e umas meninas me disseram 'levante-se, levante-se'. E comecei a correr com elas", contou a aluna.

A Universidade Estadual de Ohio é uma das maiores dos Estados Unidos, com cerca de 60 mil estudantes em seu campus principal, em Columbus. 

Sobre o mesmo assunto
 
O tempo de conexão expirou.