Ouvir Baixar Podcast
  • 15h27 - 15h30 GMT
    Flash de notícias 22/09 15h27 GMT
  • 15h06 - 15h27 GMT
    Programa 22/09 15h06 GMT
  • 15h00 - 15h06 GMT
    Jornal 22/09 15h00 GMT
  • 09h57 - 10h00 GMT
    Flash de notícias 22/09 09h57 GMT
  • 09h33 - 09h57 GMT
    Programa 22/09 09h33 GMT
  • 09h30 - 09h33 GMT
    Jornal 22/09 09h30 GMT
  • 15h27 - 15h30 GMT
    Flash de notícias 21/09 15h27 GMT
  • 15h06 - 15h27 GMT
    Programa 21/09 15h06 GMT
Para poder acessar todos os conteúdos multimídia, você deve instalar o plugin Flash no seu navegador. Para se conectar, você deve ativar os cookies nas configurações do navegador. O site da RFI é compatível com os seguintes navegadores: Internet Explorer 8 e +, Firefox 10 e +, Safari 3 e +, Chrome 17 e +.
Américas

Califórnia declara estado de emergência depois de terremoto

media Prédio histórico em Napa Valley corre risco de desabamento REUTERS/Stephen Lam

O governo da Califórnia (EUA) declarou estado de emergência no condado de Napa Valley, que foi atingido por um terremoto de 6 graus na escala Richter neste domingo (24). O tremor de terra, o mais violento desde 1989, aconteceu a cerca de 40 quilômetros do Grand Canyon e deixou ao menos três pessoas gravemente feridas, mas nenhuma morte foi registrada.

Entre os feridos, há uma criança, cuja idade e o sexo ainda não foram informados. Uma lareira despencou sobre a criança, que teve de ser transportada de helicóptero para o hospital. Ela está no setor de neurologia e seu estado é considerado crítico. Mais de 120 pessoas com ferimentos leves foram atendidas no centro médico Queen of The Valley.

De acordo com o governador Edmund Brown, o terremoto causou o fechamento de estradas importantes, além de destruir parte da rede elétrica, deixando cerca de 69 mil pessoas sem luz. Quando o chão começou a balançar, vários canos de abastecimento d'água estouraram, mais de 100 vazamentos de gás foram relatados e houve focos de incêndio.

O fogo destruiu quatro casas móveis e danificaram outras duas em um estacionamento de trailres. As autoridades evacuaram 16 prédios, incluindo um asilo, que estavam danificados e corriam risco de desabamento.

Falta d'água

De acordo com o diretor de obras públicas da região, Jack LaRochelle, a principal preocupação, do ponto de vista da infra-estrutura, é o sistema de aprovisionamento de água. Ele afirmou que cerca de 60 canos estouraram logo depois do tremor, deixando algumas regiões sem abastecimento ou com pressão muito baixa. De acordo com LaRochelle, cinco equipes trabalham em turnos de 12 horas para garantir o retorno à normalidade.

O instituto americano de geofísica alerta que tremores secundários, de até cinco graus, ainda podem acontecer durante a semana nesta que é a principal região produtora de vinho no país. O terremoto de domingo pôde ser sentido em Sacramento, São Francisco e Santa Cruz.

 

Sobre o mesmo assunto
 
O tempo de conexão expirou.