Ouvir Baixar Podcast
  • 15h27 - 15h30 GMT
    Flash de notícias 20/09 15h27 GMT
  • 15h06 - 15h27 GMT
    Programa 20/09 15h06 GMT
  • 15h00 - 15h06 GMT
    Jornal 20/09 15h00 GMT
  • 09h57 - 10h00 GMT
    Flash de notícias 20/09 09h57 GMT
  • 09h36 - 09h57 GMT
    Programa 20/09 09h36 GMT
  • 09h30 - 09h36 GMT
    Jornal 20/09 09h30 GMT
  • 15h27 - 15h30 GMT
    Flash de notícias 19/09 15h27 GMT
  • 15h06 - 15h27 GMT
    Programa 19/09 15h06 GMT
Para poder acessar todos os conteúdos multimídia, você deve instalar o plugin Flash no seu navegador. Para se conectar, você deve ativar os cookies nas configurações do navegador. O site da RFI é compatível com os seguintes navegadores: Internet Explorer 8 e +, Firefox 10 e +, Safari 3 e +, Chrome 17 e +.
Américas

Eleição presidencial na Costa Rica terá segundo turno

media Luis Guillermo Solís, candidato presidencial de centro disputará em abril o segundo turno pela presidência da Costa Rica. REUTERS/Randall Campos

Os resultados preliminares das eleições presidenciais na Costa Rica realizadas no domingo (2) apontam para um segundo turno entre os candidatos Luis Guillermo Solís, do Partido Ação Cidadã (Acción Ciudadana) e Johnny Araya, do Partido Liberação Nacional.

Surpreendendo os eleitores costarriquenhos, o candidato de centro Luis Guillermo Solís disputará em abril o segundo turno para a presidência da Costa Rica.

Seu adversário será o governista de direita Johnny Araya. A votação expressiva de Solís, que ficou na liderança do primeiro turno com cerca de 30% dos votos, foi inesperada. Nas pesquisas de intenção de voto, ele aparecia na terceira colocação.

Diante de seus militantes, Sólis discursou após a apuração de quase 80% dos votos. “Governaremos a Costa Rica. (...) vamos vencer porque somos um povo que decidiu mudar", disse o candidato que é um historiador de 55 anos. Araya, que é ex-prefeito da capital, era favorito das pesquisas. Mas, diante dos resultados, ele admitiu a derrota.

"Não há dúvidas de que o resultado eleitoral nos mostra que ainda não demos sinais suficientemente claros ao povo de que nós queremos retificar, que queremos uma mudança responsável na Costa Rica", declarou.
No total, 13 candidatos disputam a cadeira da presidente Laura Chinchilla, primeira mulher a governar o país.

El Salvador

Nas eleições presidenciais em El Salvador, o partido do presidente Mauricio Funes, não conseguiu vencer no primeiro turno. O seu candidato, o vice-presidente Sánchez Cerén, obteve 49% dos votos com 83,2% das urnas apuradas. Em segundo lugar, o prefeito de San Salvador, Norman Quijano, do partido Aliança Republicana Nacionalista, obteve 39% dos votos.

 

 

Sobre o mesmo assunto
 
O tempo de conexão expirou.